icons.title signature.placeholder Alexandre Braz
07/11/2013
15:10

O holandês Seedorf reconheceu, em entrevista coletiva, concedida nesta quinta-feira, no Engenhão, que não gosta de ser substituído. De acordo com o apoiador, que demostrou insatisfação ao sair para a entrada de Lodeiro, quando ele deixa o campo é porque algo não saiu como o esperado. 

- Acho que você também entende que se eu responder esta pergunta vai dar polêmica. Você entende isso, não é? Então, não vou responder. Nunca gostei, os motivos podem ser diferentes, mas eu nunca gostei de sair do jogo. Significa que alguma coisa não foi certa - declarou Seedorf.

Além da substituição do último domingo, Seedorf também foi substituído na partida contra a Ponte Preta, em que também não gostou de sair. No entanto, na ocasião, afirmou estar "fechado" com o técnico Oswaldo de Oliveira até o fim. Nas duas oportunidades, o treinador também minimizou a insatisfação do jogador.