icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/07/2014
22:36

O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, garantiu nesta segunda-feira que a despedida de Ronaldinho aconteceu sem mágoas. De acordo com o mandatário, o meia, que rescindiu contrato com o clube, deixará somente boas lembranças à Massa atleticana.

- O Ronaldo (Ronaldinho Gaúcho) se torna um dos maiores ídolos, se não o maior da torcida do Atlético. Ele nos trouxe títulos, ajudou a conquistar títulos importantes. A passagem dele é vitoriosa, e isto ficará na mente de cada torcedor - disse, em entrevista veiculada na TV Alterosa (afiliada do SBT em Minas Gerais).


Kalil revelou que a opção por uma saída antes do término do contrato partiu do atleta.

- Eu tinha dado a palavra a ele que, se quisesse sair, era só me procurar depois da Recopa. Ronaldinho quer tomar um novo rumo, acha que já fez um ciclo, e está saindo como entrou, pela porta da frente.

Após rechaçar a possibilidade do técnico Levir Culpi ter sido pivô da saída de Ronaldinho, Alexandre Kalil detalhou como ocorreu o acordo para a rescisão de contrato.

- O Atlético não vai pagar nada, nem ele vai pagar nada. Foi algo feito a quatro mãos, bem resolvido.

Sobre o futuro de R10, Alexandre Kalil despistou.

- Eu até sei, mais ou menos, mas quem tem de falar a partir de agora é o Assis.