icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
25/11/2014
20:43

A partida entre Flamengo e Pinheiros, que seria realizada nesta terça-feira, às 19h30 (de Brasília), válida pela sétima rodada do NBB7, com os portões fechados, foi adiado. O motivo: a não liberação do ginásio do Tijuca Tênis Clube, palco onde seria realizado o confronto.

Tudo ocorreu por causa da não assinatura dos laudos para a realização da partida. O Tijuca está com seu o ginásio vetado para eventos com público há três semanas e para que tivesse jogo mesmo com o portão fechado, era preciso a autorização do Ministério Público. O Tijuca e o Flamengo apresentaram os documentos na manhã desta terça-feira ao promotor de justiça. Porém, como ele tinha outras atribuições, o promotor falou que não haveria tempo suficiente para fazer a análise. Sem esse parecer, o juiz não quis dar a liberação para o jogo e, assim, a PM vetou a partida minutos antes do seu início, frustrando os dois times, que já estavam no ginásio, assim como os árbitros  e os mesários.

O representante  do Flamengo, Andre Guimarães, garante que o laudo será liberado ainda nesta quarta-feira. Mas O ex-jogador Fernandão, delegado do jogo  e que foi pego de surpresa com a situação, comentou não há data para a remarcação da partida.

- Conversei com o escritório da Liga, em São Paulo, que está tomando as providências. Infelizmente o jogo não tem data ainda para ocorrer. Como o Pinheiros irá jogar em Macaé nesta quinta-feira, a partida com o Flamengo não poderá ser realizada nos próximos dias  - disse Fernandão para a Rádio Bradesco, lembrando que a Liga teve um custo relevante com passagens e hospedagens para representates e arbitragem.

Com a confusão o  Flamengo nem saiu do vestiário, enquanto o Pinheiros aproveitou para fazer um aquecimento. O ex-jogador Marcel, treinador da equipe paulista, resolveu levar tudo na esportiva:

- Nunca passei por isso. Chegamos ao Rio nesta segunda-feira, saímos do aeroporto, corremos até o hotel, fizemos um treino no Tijuca. Voltamos ao hotel, pegamos engarrafamento  e jantamos às 22h. Nesta terça-feira os jogadores ficaram se preparando o dia todo fiquei reunido estudando o Flamengo, chegamos aqui uma hora antes e... Não teve jogo! Temos de acatar. O pior é que desperdiçamos o Rio para uma programação alternativa, passear em Copacabana, ver a beleza da cidade.

Resta saber se a liberação do laudo de segurança sai nesta quarta-feira. Afinal, nesta quinta-feira, o Flamengo tem marcado um clássico com o Palmeiras, pela NBB7, exatamente para o mesmo local. Vai ter jogo?