icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/04/2014
19:09

Gilson Kleina ainda não sabe como montar o Palmeiras sem Alan Kardec. O atacante, que também negocia com o São Paulo, ainda não decidiu seu futuro, mas, segundo alega o Verdão, está com uma crise de gastrite e muito provavelmente será cortado da lista de relacionados para o jogo deste sábado, às 21h, contra o Fluminense, no Pacaembu.

O técnico, então, treinou a equipe com dois esquemas táticos: com três volantes e três atacantes. A briga por vaga será entre Wesley e Serginho, que se revezaram entre os 11 titulares na atividade tática desta sexta-feira.

Serginho começou no time, formando um trio ofensivo com Leandro e Marquinhos Gabriel, mas ficou só alguns minutos no gramado. Wesley entrou e trabalhou por mais tempo na atividade sem adversário, que serve para acertar o posicionamento dos atletas e jogadas ensaiadas, sobretudo na bola parada. A tendência é que o camisa 11 comece jogando, ao contrário do que aconteceu na vitória por 2 a 1 sobre o Criciúma, na primeira rodada: na ocasião, ele vinha de lesão e disputou apenas o segundo tempo do duelo.

O time, portanto, irá a campo com: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Tiago Alves e Juninho; Marcelo Oliveira, Josimar, Wesley (Serginho) e Valdivia; Marquinhos Gabriel e Leandro.

Alan Kardec não é o único desfalque do time. O meia Bruno César, com uma lesão na coxa direita, ficará um mês em tratamento. Já o goleiro Fernando Prass, que voltou a sentir o tornozelo direito na atividade de quarta-feira, está recuperado e vai para o jogo.