icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
16/04/2014
07:45

Contratado em fevereiro deste ano, o zagueiro uruguaio Mario Risso pode deixar o Botafogo nos próximos dias. Sem chances na equipe, já que atuou em apenas uma partida no Campeonato Carioca, o defensor tem sondagens de alguns clubes estrangeiros, e a diretoria não deve fazer questão de mantê-lo.

Além de enfrentar uma concorrência grande na posição – o elenco tem Bolívar, Dória, André Bahia, Dankler e Matheus –, a atuação de Mario, na única oportunidade dele no time, na derrota por 2 a 1 para o Boavista, no mês passado, não agradou ao departamento de futebol.

Na época em que Risso chegou ao Botafogo, a diretoria alegou que a contratação fazia parte de um planejamento para prevenir possíveis perdas – caso de Dória, que pode deixar o clube no meio da temporada. O Botafogo possui 40% dos direitos econômicos do defensor uruguaio.

Com um problema muscular na coxa direita, Risso não tem treinado com o grupo alvinegro.

Mario foi revelado pelo Defensor Sporting, do Uruguai, único clube que havia defendido na carreira até ser contratado pelo Botafogo. A diretoria alvinegra tem a preferência para adquirir seus direitos econômicos, o que não deve se concretizar em caso de saída.