icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/04/2014
10:30

A vitória do Flamengo por 2 a 1 diante do Emelec (EQU), no Equador, renovou as esperanças do Rubro-Negro na Copa Libertadores. Na torcida pelo Fla, o ex-jogador rubro-negro Renato Abreu mostrou confiança na classificação do time da Gávea. De acordo com o jogador, que atualmente está sem clube, a partida no Maracanã será fundamental para a equipe de Jayme de Almeida chegar às oitavas de final da competição continental.

– Acredito na classificação, principalmente por jogar em casa. O segredo (da Libertadores) é não entrar na catimba do adversário. Você conseguindo fazer seu resultado dentro de casa fica tudo mais fácil. Mas é totalmente diferente do Campeonato Brasileiro, Estadual, com muita catimba, falta que juiz não dá, falta que você acha que o juiz daria, e ele não dá. Tem que segurar a catimba toda e jogar no ritmo do campeonato, que é muito forte, com a torcida apoiando – comentou o apoiador ao Sportv.

E MAIS
- Xô, pressão! Vitória sobre o Emelec dá tranquilidade ao Flamengo
- Chegou a hora? Alecsandro deve, enfim, se firmar como titular do Fla

Ainda de acordo com o ex-meia rubro-negro, a situação do Flamengo poderia ser um pouco mais tranquila diante do time equatoriano, caso o técnico Jayme de Almeida tivesse um jogador que fizesse mais o papel de criação no meio de campo.

– Particularmente, gosto de jogar fora, sem pressão, porque a responsabilidade é maior para o time da casa e você joga mais tranquilo. Mas, no caso do Flamengo, era mais complicado porque precisava do resultado também. Com os dois saindo mais para o ataque, fica um jogo fácil de se jogar. O Flamengo teve até algumas chances de conseguir encaixar bons contra-ataques, mas faltou um jogador de cabeça, criando mais no meio de campo, com característica de enfiar a bola. Assim, o Flamengo aproveitaria melhor as chances que teve – concluiu.