icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/12/2013
18:42

Desde que chegou ao Botafogo, em julho de 2012, Seedorf tem se importado em ajudar a desenvolver jogadores mais jovens e exercer uma liderança dentro do clube. Até por isso, acabou recebendo algumas críticas quando foi incisivo em cobranças sobre os companheiros. Entretanto, para ele, as situações são bem normais no futebol.

– Quero deixar claro que eu não tenho de mostrar mais nada a ninguém. Estou aqui para fazer com que esse grupo se fortaleça e evolua. Não sou brasileiro, então minha maneira de falar é europeia. Estamos fazendo coisas muito boas, talentos cresceram e não só os mais jovens. É um dos maiores desafios que tive. Estamos lutando o ano todo no G4 com bons resultados. É claro que, externamente, é melhor criar polêmica, mas sabemos como são as coisas – disse o holandês à ESPN Brasil, citando o goleiro Jefferson:

– O Jefferson cresceu demais, evoluiu muito e é muito mais líder hoje do que anteriormente. É um cara que acredito e gosto muito.

Botafogo perde para o Coritiba e vê Libertadores mais longe