icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/07/2013
11:45

Com sérios problemas financeiros, a Sauber anunciou nesta segunda-feira, nova parceria com três grandes empresas russas que promete garantir seu futuro na Fórmula 1 a longo prazo, e pensa também no crescimento tecnológico da equipe, para buscar melhores resultados e performance do carro.

As empresas parceiras da equipe suiça, são: Investment Corporation International Fund (Fundo Internacional de Investimento Corporativo), State Fund of Development of North-West Russian Federation (Fundo Estadual de Desenvolvimento do Noroeste da Federação Russa) e National Institute of Aviation Technologies (Instituto Nacional de Tecnologias da Aviação).

Como cláusula do contrato, a Sauber promoverá o GP da Rússia, em Sochi, que está previsto no calendário para o próximo ano. E também a preparação do russo Sergey Sirotkin, de 17 anos, para ser piloto titular da equipe em 2014. Caso Sirotkin assuma o posto, será o mais jovem a disputar uma corrida da categoria, aos 18 anos, desbancando a marca do espanhol Jaime Alguersuari, que iniciou sua carreira na Fórmula 1 com 19 anos e 4 meses.

Com sérios problemas financeiros, a Sauber anunciou nesta segunda-feira, nova parceria com três grandes empresas russas que promete garantir seu futuro na Fórmula 1 a longo prazo, e pensa também no crescimento tecnológico da equipe, para buscar melhores resultados e performance do carro.

As empresas parceiras da equipe suiça, são: Investment Corporation International Fund (Fundo Internacional de Investimento Corporativo), State Fund of Development of North-West Russian Federation (Fundo Estadual de Desenvolvimento do Noroeste da Federação Russa) e National Institute of Aviation Technologies (Instituto Nacional de Tecnologias da Aviação).

Como cláusula do contrato, a Sauber promoverá o GP da Rússia, em Sochi, que está previsto no calendário para o próximo ano. E também a preparação do russo Sergey Sirotkin, de 17 anos, para ser piloto titular da equipe em 2014. Caso Sirotkin assuma o posto, será o mais jovem a disputar uma corrida da categoria, aos 18 anos, desbancando a marca do espanhol Jaime Alguersuari, que iniciou sua carreira na Fórmula 1 com 19 anos e 4 meses.