icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/03/2014
23:53



O Morumbi recebeu duas equipes completamente distintas na noite desta quarta-feira. O São Paulo se apresentou para a 12ª rodada do Campeonato Paulista sem a mesma intensidade dos últimos jogos, mas mostrou persistência para balançar as redes. O Osasco Audax repetiu fórmula exaltada desde o início do torneio, mas abusou de uma segurança enganosa e foi castigado: 4 a 0 para o Tricolor, já garantido nas quartas de final do estadual.

Depois de empatar em 1 a 1 com Santos e Palmeiras no Pacaembu, os comandados de Fernando Diniz deram mostras dos perigos que correriam logo no primeiro minuto. A trave, no entanto, evitou o gol de Paulo Henrique Ganso, de volta ao time titular após duas partidas. O São Paulo cansou de marcar em cima, mas seguia perigoso graças aos abusos do rival, salvo mais uma vez pela trave e por pênalti claro em Luis Fabiano não marcado por Antonio Batista do Prado.

Pendurado, Fabuloso não exagerou nas reclamações. Nem perdeu a calma com duas cabeçadas perigosas que não venceram Felipe Alves. O goleiro do Audax, sim, exagerou. Forçou toques curtos com os zagueiros, entre eles André Castro, expulso nos primeiros instantes da etapa complementar, e torceu para Souza perder. Torceu, sem êxito, quando Luis Fabiano completou de cabeça cruzamento preciso de Dorlan Pabon para abrir o placar.

O caminho para uma vitória tranquila também estava livre. E novamente Pabon apareceu bem pela direita, o que não ocorreu no primeiro tempo, para servir Luis Fabiano. O camisa 9 fez o segundo na noite, o oitavo para ser artilheiro do Paulistão e foi substituído para não correr o risco de perder o clássico contra o Corinthians no domingo, às 16h, no Pacaembu.

Se seguia atento debaixo das traves, Felipe Alves não se intimidou com os erros cometidos com os pés e, mais uma vez, entregou para Osvaldo marcar por cobertura. Ednei, que entrou para corrigir os erros de Francis, entregou para Souza entortar a zaga e o goleiro antes de fazer um golaço e fechar a noite do agora classificado São Paulo com 21 pontos. Já o Osasco Audax para com 17 e fica a quatro pontos da zona de classificação do Grupo B.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 4 X 0 0SASCO AUDAX

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 5/3/2014 – 22h
Árbitro: Antônio Batista do Prado
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon e Claudenir Donizeti Gonçalves
Público/renda: R$ 132.300,00/5491 pagantes
Cartões amarelos: Ganso (SAO) André Castro (AUD)
Cartões vermelhos: André Castro (2'/2ºT)

GOLS: Luis Fabiano, 6'/2ºT (1-0); Luis Fabiano, 8'/2ºT (2-0); Osvaldo, 16'2ºT (3-0); Souza, 31/2ºT (4-0)

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Maicon (Wellington - 24'/2ºT), Souza (Lucas Evangelista - 36'/2ºT), Pabón, Ganso, Osvaldo; Luis Fabiano (Ademilson - 17'/2ºT). Técnico: Muricy Ramalho


OSASCO AUDAX: Felipe Alves, Velicka, João Paulo, Francis (Edinei - 23'/2ºT), André Castro; Camacho, Didi, Diego, Rafinha (Marquinhos - 28'/2ºT); Thiago Silvy e Denilson (Matheusinho - intervalo). Técnico: Fernando Diniz