icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/04/2014
00:00

O CRB-AL surpreendeu e venceu o São Paulo de virada por 2 a 1, nesta quarta-feira, no jogo de ida pela segunda fase da Copa do Brasil. Ademilson titular no lugar de Luis Fabiano, de bicicleta, abriu o placar para a equipe paulista. Porém, o time da casa contou com um gol de Tozin, de pênalti, e um de Diego Rosa para conseguir a vitória e garantir o jogo de volta, que acontecerá na Arena Barueri.

O São Paulo começou se impondo na partida. Logo aos dois minutos do primeiro tempo, Antônio Carlos deu um chutão da intermediária em direção ao gol alagoano. O goleiro do CRB, Julio Cesar, saiu para fazer o corte, mas deu rebote para Alexandre Pato, que, com a meta livre, desperdiçou a primeira grande chance tricolor.

O atacante teve uma nova oportunidade aos oito minutos, quando Douglas fez um cruzamento pela direita na grande área. O camisa 11 cabeceou com muito perigo e bola passou raspando a trave esquerda do gol.

A pressão inicial deu resultado aos 24. Boschilia finalizou da área, mas zaga do CRB barrou. A bola espirrou e sobrou para Ademilson, que abriu o placar com um golaço de bicicleta. Animado, o jogador quase marcou o segundo dez minutos depois, após passe de Pato. Porém, a arbitragem marcou um impedimento duvidoso e interrompeu a jogada.

Um pênalti marcado a favor da equipe da casa, aos 33 minutos, mudou o rumo do jogo. Diego Rosa recebeu livre na área e Ceni, ao sair para fazer a defesa, derrubou o jogador. Na cobrança, Tozin deixou tudo igual no estádio Rei Pelé.

Apesar do placar igual, o São Paulo levava mais perigo ao gol rival e também trabalhava melhor a bola. O CRB, jogando mais na defensiva, pouco finalizou.

No início do segundo tempo, o ritmo de jogo caiu. Naquele momento, o resultado era bom para a equipe alagoana, que garantia o empate e o jogo de volta. Mas o São Paulo, inesperadamente, também recuou. O CRB, com isso, foi em busca do jogo.

O que já não estava tão confortável para o Tricolor, ficou pior aos 14 minutos. Rodrigo Caio, que havia já havia tomado cartão amarelo no início do jogo, cometeu falta em Diego Rosa, em um contra-ataque do CRB, e foi expulso.

A superioridade do Tricolor deu lugar ao equilíbrio. O São Paulo ficou mais ainda na defensiva, enquanto o CRB buscava espaços. O time visitante quase não finalizou no segundo tempo.

A melhor situação da equipe alagoana foi comprovada aos 37 minutos, quando Diego Aragrão chutou cruzado. A bola desviou em Antônio Carlos e sobrou para Diego Rosa, que fez o gol da virada e foi o nome do jogo.

Com o resultado, o São Paulo perdeu a chance de eliminar o jogo de volta, e terá de vencer por pelo menos dois gols de diferença ou por 1 a 0 para garantir a classificação à próxima fase da competição. Caso triunfe pelo placar de 2 a 1, a decisão do classificado será nos pênaltis.

FICHA TÉCNICA
CRB-AL 2 X 1 SÃO PAULO

Local: Rei Pelé, Alagoas (AL)
Data/Hora: 23/4/2014 – 22h
Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves (RN)
Auxiliares: Daniel Vidal Pimentel e Victor Oliveira Cruz (ambos de SE)
Público e renda: Não disponíveis
Cartões amarelos: Souza e Rogerio Ceni (São Paulo); Marcos Vinicius (CRB)
Cartão vermelho: Rodrigo Caio (aos 14'/2ºT)

GOLS: Ademílson, aos 23'/1ºT; Tozin, aos 34'/1ºT; Diego Rosa 37'/2ºT;

CRB-AL: Julio Cesar, Paulo Sergio (Diego Aragão, aos 16'/2ºT), Marcus Vinicius, Gabriel, Gleidson (João Victor, intervalo), Johnnattan, Olívio, Audálio, Geovani, Diego Rosa, Tozin (Denilson, aos 16'/2ºT). Técnico: Eduardo Souza.

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos, Alvaro Pereira, Souza, Maicon, Boschilia (Pabon, intervalo), Ganso (Paulo Miranda, aos 15'/2ºT), Alexandre Pato (Osvaldo, aos 31'/2ºT) e Ademilson. Técnico: Muricy Ramalho.