icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
18/02/2015
20:16

A diretoria do Santos pretende criar ainda nesse ano um departamento de inteligência do futebol. O setor será responsável por buscar jogadores e acompanhar o desempenho deles, tanto profissionais como jovens, além de cuidar das estatísticas do atletas do próprio elenco alvinegro.

Segundo o diretor executivo Dagoberto Santos, além de auxiliar nas contratações de reforços para a equipe principal, a novidade ajudará o clube a buscar novos craques.

– Esse departamento vai reunir toda a parte de scout, olheiros... É importante ter gente capacitada fazendo observação, não se basear apenas em números ou DVD’s. Eu já tenho gente específica para isso hoje, temos olheiros, programas de estatísticas, mas preciso organizar melhor esse departamento para que as funções não fiquem isoladas.

Até ano passado, esse trabalho no Peixe era liderado por Sandro Orlandelli, profissional que ficou 12 anos no Arsenal (ING) e estava na Vila Belmiro desde 2013. Demitido pela nova diretoria, ele buscava jogadores e fazia avaliações.

Na última janela de transferências, a diretoria alvinegra utilizou dados dos programas que o clube têm, mas se baseou sobretudo na opinião dos dirigentes e em conhecimentos obtidos previamente. A tendência é que no futuro as decisões tenham maior embasamento.