icons.title signature.placeholder Russel Dias
21/06/2014
11:58

O último dia de treino do Santos em São José dos Campos era para ser comum, mas a presença em massa da torcida deu uma cara diferente ao que seria só uma um trabalho físico. Às 9 horas da manhã os portões do estádio municipal Martins Pereira se abriram e uma multidão com bandeirões se fez nas arquibancadas.

No gramado o técnico Oswaldo de Oliveira só deu atividade com bola no final, para aprimorar finalização. Todos os jogadores tiveram que arrematar para o gol, e quando a bola ia para as redes, os gritos eram de gol como se fosse uma partida oficial. 

O atacante Rildo, que deixou o treinamento de sexta-feira com dores na virilha esquerda ficou de fora, fazendo seções de fisioterapia. O também atacante Stéfano Yuri só correu em volta do gramado, pois sente dores na coxa direita.

A delegação do Peixe volta para Santos após o almoço deste sábado e se reapresenta na segunda-feira, no CT Rei Pelé já que o México enfrenta a Croácia na segunda-feira, às 17 horas, na Arena Pernambuco. Dependendo do resultado desta partida, se a seleção mexicana for eliminada do Mundial o elenco poderá voltar a utilizar sue próprio centro de treinamento, caso contrário, voltará para São José dos Campos na terça-feira a tarde.