icons.title signature.placeholder Russel Dias
02/06/2014
12:58

Depois de ser um dos principais nomes do jogo na vitória sobre o Criciúma por 2 a 0, Gabriel ainda não entrou de férias como os outros jogadores do Santos. Seu empresário, Wagner Ribeiro, e seus pais têm um compromisso importante nesta terça-feira a tarde: tratar da renovação do camisa 7. Em uma reunião com o presidente Odílio Rodrigues e com o superintendente de esportes André Zanotta serão discutidos o novo salário de Gabigol e também o tempo de contrato.

Seu atual vínculo vai até setembro de 2015, mas a diretoria alvinegra pretende renovar por mais cinco anos, fato que agrada seu staff. O acordo no entanto ainda não foi feito devido à questão salarial. Conforme apurou o LANCE!Net, o agente da revelação santista fez uma proposta inicial acima do que o clube gostaria de pagar, e a contraproposta do Peixe seria de R$ 120 mil mensais.

Antes mesmo da renovação, o salário do jovem de 17 anos dobrou no mês passado. em uma forma de bonificação. Além disso, ele ganhará uma espécie de bônus por metas batidas, como gols e número de jogos como titular.

Neste ano, mesmo com a contratação de Leandro Damião, Gabriel conquistou a confiança do técnico Oswaldo de Oliveira, e conseguiu se firmar como titular no Campeonato Brasileiro. Ao todo, já são 14 gols no ano, com 29 partidas jogadas, apenas uma a menos do que o goleiro Aranha, que é o que mais atuou com 30 jogos. 

No fim do mês passado, Wagner Ribeiro afirmou ao L!Net que o garoto já demonstrou seu desejo em permanecer no Santos.

Sua multa rescisória é de R$ 150 milhões de reais, sendo que o Peixe detém 60% dos direitos econômicos do atleta. O restante pertence ao próprio jogador.