icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/12/2013
10:54

O volante Sandro, do Tottenham, foi questionado pela imprensa inglesa sobre Manaus. A questão trouxe uma polêmica entre o técnico da Inglaterra, Roy Hodgson, e o prefeito da cidade, Arthur Virgilio Neto (PSDB). O treinador disse que não gostaria de jogar na região amazônica, e o político sentiu-se ofendido. O jogador concordou que deve ser difícil jogar lá, mas lembrou que os esterótipos do lugar não passam de uma piada.

- Eu adoraria conhecer Manaus. Mas jogar lá? Não! É uma floresta. No Brasil, nós brincamos com Manaus. Eu brinco com o pessoal de Manaus que lá é uma floresta, o rio e tudo mais... É lindo, e isso tudo é uma brincadeira - disse o volante ao "Daily Express".

Sandro lembrou ainda que nem mesmo os clubes de elite costumam jogar em Manaus, já que não há rivais que estejam nas divisões principais do futebol brasileiro. E que até boa parte da população nunca esteve no Amazonas.

- É uma cidade grande, mas fica no meio da Floresta Amazônica. Muitos brasileiros nunca foram lá, fica a umas cinco ou seis horas de avião de São Paulo. E os clubes nunca jogam lá, eu nunca joguei lá. Fiquei surpreso quando foi escolhida como sede. É Brasil para vocês - provocou Sandro.