icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
14:43

Na disputa final dos saltos ornamentais com trampolim de 3m do Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo disputado em Barcelona, a China faturou mais uma medalha de ouro. Chong He foi o responsável pela láurea ao somar 544,95 pontos nos seis saltos na decisão, nesta sexta-feira.

A prata ficou com Evgeny Kuznetsov, da Rússia, que acumulou 508 pontos em seus saltos. Completou o pódio o mexicano Yahei Castillo, com 498,30.

O Brasil teve César Castro na disputa dos saltos ornamentais com trampolim de 3m. Ele, porém, não passou das semifinais ao ser o 15º colocado nesta quinta - apenas 12 foram às finais.

A China segue com o maior número de medalhas até então nas disputas do Mundial Aquático - são 14 ao todo, sendo sete de ouro, cinco de prata e duas de bronze. A Rússia é a segunda com oito medalhas, sendo cinco de outo e três de prata.

O Brasil aparece na quarta posição com cinco medalhas - um ouro, duas pratas e dois bronzes. A Alemanha também tem cinco, mas fica com a terceira posição por ter duas de ouro.

Na disputa final dos saltos ornamentais com trampolim de 3m do Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo disputado em Barcelona, a China faturou mais uma medalha de ouro. Chong He foi o responsável pela láurea ao somar 544,95 pontos nos seis saltos na decisão, nesta sexta-feira.

A prata ficou com Evgeny Kuznetsov, da Rússia, que acumulou 508 pontos em seus saltos. Completou o pódio o mexicano Yahei Castillo, com 498,30.

O Brasil teve César Castro na disputa dos saltos ornamentais com trampolim de 3m. Ele, porém, não passou das semifinais ao ser o 15º colocado nesta quinta - apenas 12 foram às finais.

A China segue com o maior número de medalhas até então nas disputas do Mundial Aquático - são 14 ao todo, sendo sete de ouro, cinco de prata e duas de bronze. A Rússia é a segunda com oito medalhas, sendo cinco de outo e três de prata.

O Brasil aparece na quarta posição com cinco medalhas - um ouro, duas pratas e dois bronzes. A Alemanha também tem cinco, mas fica com a terceira posição por ter duas de ouro.