icons.title signature.placeholder Fábio Aleixo e Felipe Domingues
18/06/2014
17:00

Com dificuldades financeiras, a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) não conseguiu viabilizar a ida de Fernando Duró, braço-direito de Rubén Magnano, ao Mundial.

Sem seu assistente técnico que, além da função que desempenha, é amigo do treinador há mais de 30 anos, Magnano contará como assistentes na Espanha José Neto, Gustavo de Conti e Demétrius Ferraciú.

– Não foi uma dispensa. A CBB não conseguiu viabilizar a sua vinda e, no projeto encaminhado ao Ministério do Esporte, seu nome não foi aprovado. Ele não vive aqui, não possui documentos daqui. Fiz questão de explicar a ele pessoalmente. Infelizmente, Fernando não estará conosco – afirmou Magnano, ontem.

Além de acompanhar o Brasil no Mundial, Neto e Demétrius estarão com a Seleção B na Venezuela para a disputa do Sul-Americano e só se juntarão ao grupo no dia 30 de julho.