icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
09:08

A Roma e o banco UniCredit, credor da dívida do clube italiano, anunciaram através de comunicado o sinal verde para a chegada de um investidor chinês ao clube.

Não há a confirmação do nome do investidor, mas o que ficou esclarecido é que a parte interessada em por dinheiro no clube irá comprar os 30% de ações que pertencem à Unicredit. Os chineses também pretendem aumentar o capital da Roma. Os valores aportados também não foram informados.

Recentemente o diário especializado em economia "Il Sole 24 Ore", apontava para o nome do magnata Wang Jianlin como sendo o investidor. O empresário é o homem mais rico da China, segundo a revista Forbes.

E MAIS:

Torcedor do Ajax cai da tribuna ao comemorar gol
VÍDEO Kaká abre o caminho da vitória do Mian