icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/11/2013
22:13

Depois de um primeiro turno sofrível, o São Paulo passou por uma grande mudança com a chegada de Muricy Ramalho e com a vitória deste sábado, contra a Portuguesa, chegou aos 46 pontos, dez à frente do Vasco, primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Em situação mais tranquila no Campeonato Brasileiro, o goleiro Rogério Ceni considera que o 'assunto Série B' está encerrado no Morumbi.

- Se a gente cair agora, depois de tudo isto, aí somos muito incompetentes, assim como fomos muito guerreiros para chegar nesta atual situação. Não que não possa cair, mas hoje (sábado) acho que se encerra o assunto rebaixamento. Podemos ver outras possibilidades, dependendo da rodada. Tentamos agora viver outro momento - disse o camisa 01 do sétimo colocado no Brasileiro.

A seis pontos do Atlético-PR, atual quarto colocado, o sonho da Libertadores já se inicia no clube tricolor, mas de forma tímida. Maicon citou até a possibilidade de título de Grêmio ou Atlético-PR na Copa do Brasil para aumentar o sonho - caso um dos dois, membros do G4, vença a competição, pode-se abrir outra vaga ao torneio continental na Série A, mas só se o vencedor da Sul-Americana não for um clube brasileiro.

- No segundo turno reagimos bem, tem mais seis jogos, e se Grêmio ou Atlético forem campeões (da Copa do Brasil), abre outra vaga na Libertadores. Queríamos chegar aos 46 pontos, acho que não corremos mais riscos, e precisamos seguir agora nesta pegada. Pena não jogar mais no Morumbi, porque com a torcida é difícil ganhar da gente. O grupo é muito forte - completou o meio-campista, citando a pena de quatro jogos fora da capital, imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

Time com o maior número de pontos no segundo turno (28, três mais que o Cruzeiro, este com um jogo a menos), o São Paulo iniciará uma sequência agora de jogos fora da capital. Após decidir sua vaga na semifinal da Sul-Americana, nesta quarta, contra o Atlético Nacional (COL), em Medellín, o Tricolor volta a campo pelo Brasileiro no domingo, contra o Atlético-PR, na Arena Joinville.


Na Raça, São Paulo vence Portuguesa por 2x1