icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/04/2014
13:21

A cada fase que passa, a Liga dos Campeões vai afunilando, ficando mais difícil de ser conquistada. Não só pelo nível técnico dos times, mas também pelo excesso de jogos, que acaba desfalcando jogadores. E poucas rodadas foram tão mortais para tantos times grandes quanto a última. Na ida das quartas de final, nada menos do que cinco dos oito clubes sofreram problemas para as partidas da volta.

O atual campeão Bayern de Munique não perdeu ninguém por lesão no jogo contra o Manchester United. Por outro lado, quando receber o campeão inglês em casa na semana que vem não poderá contar com Schweinsteiger, suspenso por ter sido expulso. PSG, Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid sofreram com problemas de lesão.

O campeão francês vai ficar simplesmente sem seu melhor jogador para o duelo contra o Chelsea. Ibrahimovic se machucou e já foi descartado para o jogo de volta. O Paris não revelou maiores detalhes do problema com o atacante sueco, apenas que foi uma lesão muscular. O Real Madrid também viveu momentos de ansiedade com seu craque. Melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo foi substituído no final do jogo contra o Borussia Dortmund. Oficialmente, o luso não preocupa para a volta, mas a sobrecarga tem limitado o jogador.

Finalmente, no duelo entre Barcelona e Atlético de Madrid, uma lesão grave de cada lado. Para o Barcelona, Piqué sofre com dores no fêmur e ficará afastado dos gramados por quatro semanas. Nos Colchoneros, o problema é com Diego Costa, que sentiu a coxa no início do jogo contra o Barça e foi logo substituído. Ele também não deve jogar a volta, no Vicente Calderón.