icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2013
17:35

Robinho renovou nesta quinta-feira o seu contrato com o Milan. Pelo novo acordo, o brasileiro ficará no Rubro-Negro italiano até 2016. Além disso, o jogador aceitou reduzir seu salário, passando a ganhar três milhões de euros anuais (cerca de R$ 9 milhões). Anteriormente, o atacante recebia quatro milhões de euros (R$ 12 milhões).

O novo acordo, que foi registrado por Robinho em sua conta no Instagram, foi firmado na presença do vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, e da representante do jogador, Marisa Alija Ramos.

- O assunto sobre a saída de Robinho está encerrado. O assunto de hoje (quinta-feira) foi sobre a renovação de contrato do jogador. Por enquanto ele vai permanecer aqui. Não sei se a cabeça está 100% no Milan, mas acredito que esteja feliz aqui - declarou Galliani.

Vale lembrar que o nome de Robinho esteve especulado em alguns clubes, entre eles o Santos, que chegou a fazer uma proposta oficial para repatriar o atacante. No entanto, a negociação não evoluiu. Recentemente, o Monaco apareceu como outro possível destino.

Robinho renovou nesta quinta-feira o seu contrato com o Milan. Pelo novo acordo, o brasileiro ficará no Rubro-Negro italiano até 2016. Além disso, o jogador aceitou reduzir seu salário, passando a ganhar três milhões de euros anuais (cerca de R$ 9 milhões). Anteriormente, o atacante recebia quatro milhões de euros (R$ 12 milhões).

O novo acordo, que foi registrado por Robinho em sua conta no Instagram, foi firmado na presença do vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, e da representante do jogador, Marisa Alija Ramos.

- O assunto sobre a saída de Robinho está encerrado. O assunto de hoje (quinta-feira) foi sobre a renovação de contrato do jogador. Por enquanto ele vai permanecer aqui. Não sei se a cabeça está 100% no Milan, mas acredito que esteja feliz aqui - declarou Galliani.

Vale lembrar que o nome de Robinho esteve especulado em alguns clubes, entre eles o Santos, que chegou a fazer uma proposta oficial para repatriar o atacante. No entanto, a negociação não evoluiu. Recentemente, o Monaco apareceu como outro possível destino.