icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/03/2014
08:26

O meia holandês Robben, do Bayern de Munique, respondeu às críticas feitas a ele pelo treinador do Arsenal, Arsène Wenger. O francês havia afirmado que o jogador do clube alemão é um cavador de faltas.

- Um grande técnico tem de saber aceitar melhor as derrotas. Quando vencemos, ficamos satisfeitos e felizes. Mas, quando perdemos, não podemos tentar arranjar desculpas idiotas para justificar as derrotas - disse Robben.

O meia afirmou que não cavou as faltas dentro da área nas partidas contra o clube inglês, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

- Os dois foram pênaltis, e nem preciso apresentar qualquer tipo de defesa. Esperava mais de um grande treinador - completou o holandês.

No primeiro jogo, Robben estava no lance do pênalti em que ocorreu também a expulsão do goleiro Szczesny. O Bayern venceu por 2 a 0. Na segunda partida, o meia sofreu falta de Koscielny. O jogo terminou empatado em 1 a 1. Em ambos os casos, Alaba e Müller perderam as penalidades.