icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2013
20:31

Filho de peixe, peixinho é. Nós sabemos que nem sempre o famoso ditado se encaixa aos filhos de grandes craques, mas parece que na família Rivaldo a frase não poderia ser mais apropriada. Na primeira partida da final do Paulista Sub-20, Rivaldinho marcou dois gols e comandou a virada polêmica do Mogi.

A partida de volta será realizada no próximo sábado, às 10h, no Estádio Santa Cruz. Para ser tornar pentacampeão, o Botafogo terá que vencer por três gols de diferença.

O jogo

O duelo começou igual, com as duas equipes se estudando muito. Aos poucos, o Botafogo foi assumindo o controle da partida e abriu o placar com Carlos Henrique. Aos 29, Vitor levantou a bola na cabeça do zagueiro, que testou para o fundo das redes.

Empolgado, o Pantera foi para cima e ampliou aos 42 da primeira etapa. Em nova assistência do camisa 10, o lateral Henrique se desvencilhou da marcação e arrematou sem chances para o goleiro André. 2 a 0.

Em desvantagem, o Mogi reagiu. No primeiro lance da segunda etapa, Dunguinha pegou o rebote, ajeitou, e chutou no ângulo direito de João Lucas, descontando para os donos da casa. Com o Pantera acuado, Rivaldo Júnior entrou em ação.

Em dois lances polêmicos, a estrela do Sapão virou o jogo com duas cobranças de pênalti no canto direito. Em vantagem no placar e com um jogador a mais, o Mogi chegou ao quarto gol. Aos 47, Vitor Xavier fez ótima jogada individual e chutou cruzado, fechando a vitória de virada por 4 a 2.