icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/11/2014
16:13

O Banco Central lançou nesta sexta-feira o primeiro lote de moedas da coleção comemorativa dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio-2016 e o ineditismo está no fato de que, pela primeira vez, algumas peças serão colocadas em circculação para o público. Neste primeiro lote, foram exibidas nove versões.

- O programa completo prevê, ao todo, 36 moedas. Serão quatro de ouro que homenageiam os Jogos. Dezesseis de prata, que celebram a cidade do Rio de Janeiro e dezesseis de um real de livre circulação, que retratam os esportes olímpicos e paralímpicos. Esse é o maior programa numismático já lançado no País - destacou o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini.

No primeiro lote de moedas de circulação comum, atletismo e natação representarão os Jogos Olímpicos. Já o golfe e o paratriatlo foram escolhidos porque são os esportes que entraram no programa olímpico e paralímpico em 2016. Terão tiragem máxima de 20 milhões mas poderão ser adquiridas em uma cartela especial ao custo de R$ 13.

Já a moeda de ouro tem uma face inspirada na corrida de 100m rasos. Na outra face, o Cristo Redentor. A moeda terá tiragem de 5 mil peças, valor de face de R$ 10 e custará R$ 1.180,00.

E as quatro moedas iniciais da coleção de prata trarão os esportes: remo, corrida, ciclismo e vôlei de praia. Na outra face, golfinho, bromélia, Arcos da Lapa e Bossa Nova. As escolhas foram baseadas nas séries temáticas: fauna, flora, arquitetura e música.

De acordo com o chefe do Departamento do Meio Circulante do Banco Central, João Sidney de Figueiredo Filho, uma parte das moedas será destinada ao mercado internacional, que tem muito interesse neste tipo de coleção. Uma empresa a ser contratada pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) ficará responsável por sua venda.

Figueiredo Filho explicou que a tendência é a de que toda a produção seja vendida, apesar do número de moedas e modelos à disposição dos colecionadores. Ele contou que das peças produzidas para a Copa do Mundo, 95% foram comercializadas mas ressaltou que produzí-las não era uma exclusividade do Brasil, como ocorre agora com o Jogos Rio-2016.

A previsão é a de que o próximo lote de moedas seja disponibilizada aos colecionadores e o público em fevereiro. O evento realizado no prédio do Banco Central, no Centro do Rio, contou com a participação do governador fluminense Luiz Fernando Pezão, do prefeito carioca Eduardo Paes e do presidente do Comitê Organizador Rio-2016, Carlos Arthur Nuzman.

________________________

Características moedas

Características das moedas:

Moedas de ouro:
Valor de face: 10 reais
Composição: ouro 900/1000
Diâmetro: 16mm
Peso: 4,4g
Bordo: serrilhado
Acabamento: proof
Tiragem máxima por moeda: 5 mil
Preço de venda: R$1.180,00

Moedas de prata:
Valor de face: 5 reais
Composição: prata 925/1000
Diâmetro: 40mm
Peso: 27g
Bordo: serrilhado
Acabamento: proof
Tiragem máxima por moeda: 25 mil
Preço de venda: R$195,00

Moedas de circulação comum:
Valor de face: 1 real
Composição: aço inox (núcleo) e aço revestido de bronze (anel)
Diâmetro: 27mm
Peso: 7g
Bordo: serrilhado
Acabamento: comum
Tiragem máxima por moeda: 20 milhões (máximo de 200 mil em cartelas)
Preço de venda (moedas em cartelas): R$13,00

 _____________________

Onde comprar:

Agências do Banco do Brasil:


Belém (PA) – Rua Santo Antonio, 432 – Campina

Curitiba (PR) – Av. Cândido de Abreu, 554 – Centro Cívico

Fortaleza (CE) - Av. Heráclito Graça, 1500 – Aldeota

Porto Alegre (RS) – Rua Sete de Setembro, 790 – Centro

Rio de Janeiro (RJ) – Rua da Quitanda, 60 – Centro

São Paulo (SP) - Av. Paulista, 2163 – Cerqueira Cesar.

 

Agências do Banco do Brasil em Dependências do Banco Central:


Brasília (DF) - SBS, quadra 3, bloco B, 2.º subsolo

Belo Horizonte (MG) - Av. Álvares Cabral, 1605 – 2º subsolo – Santo Agostinho

Recife (PE) – Rua da Aurora, 1259 – Santo Amaro

Salvador (BA) - Av. Anita Garibaldi, 1211 – Ondina.