icons.title signature.placeholder Guilherme Cardoso
15/12/2013
11:56

A maldição da Corrida do Milhão continua. Mas como falar em maldição para um piloto que, apesar de não ter vencido a prova da manhã deste domingo no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, ficou com o título da temporada da Stock Car. Isso foi o que aconteceu com Ricardo Maurício. Não embolsou o prêmio de R$ 1 milhão, mas soltou o grito de: "É campeão!". E olha que ele começou a disputa na terceira posição no campeonato.

O novo vencedor da competição terminou a prova na segunda colocação. Quatro postos a frente de Thiago Camilo, que ficou com o vice, com três pontos de desvantagem. Cacá Bueno, terceiro na prova, terminou o campeonato em terceiro. Já Daniel Serra abandonou a disputa com 36 minutos para o fim com problemas no acelerador e caiu para quarto.

A vitória na Corrida do Milhão ficou com Ricardo Zonta, que venceu pela primeira vez na Stock Car.

Apesar de o vencedor da prova levar uma grande premiação, o foco mesmo estava na disputa pelo título. E Maurício soube aproveitar os momentos finais da corrida para ficar com o título. Foi para cima de Camilo com menos de dois minutos para o fim e ainda segurou o ímpeto de Cacá Bueno nas última volta.

Não faltou emoção em Interlagos, principalmente no fim. Isso porque, Camilo, que chegou a assumir a liderança com cinco minutos para o fim, passou a perder rendimento. Primeiro, foi ultrapassado por Zonta. Em seguida, não teve calma em disputa com Maurício. Perdeu a freada e caiu da segunda para a quinta posição. E ainda perdeu mais um posto na hora da bandeirada.

Melhor para o agora bicampeão, que teve tranquilidade para se manter na pista e segurar a segunda colocação e o título.

Piloto convidado na Corrida do Milhão, Bruno Senna ficou com a 15ª colocação.