icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/07/2013
17:07

Durante a entrevista coletiva desta quinta-feira, em São Januário, Ricardo Gomes voltou a mostrar confiança de que a diretoria vai conseguir um maior equilíbrio financeiro no segundo semestre deste ano e aproveitou para espantar qualquer boato de uma possível saída de Paulo Autuori por conta de salários atrasados.

O treinador vascaíno vem cobrando constantemente que os salários fossem colocados em dia até julho, prazo que havia sido passado a ele pela própria diretoria.

- A saída do Paulo só no fim do contrato, se não for renovado. Mas não, não tem nenhum risco dele sair, não. O nosso trabalho é para resolver tudo em julho. Eu posso garantir que estamos trabalhando pesado para resolver os problemas financeiros. Pode ser no dia 1 ou no dia 20 de julho, mas vamos resolver - disse Gomes.

Antes do treinamento da manhã desta quinta-feira, houve uma reunião da diretoria com os jogadores. Entre outros assuntos, a questão dos salários foi conversada. Ricardo Gomes não quis se estender sobre isso, mas reafirmou que a situação será resolvida este mês.

- Isso é uma questão interna, que nao deve ir a público. Vai ser difícil eu falar sobre isso, de pagamento, mas isso fica entre os jogadores. Estamos querendo sair dessa fase e acho que vamos sair - completou ele. 


Durante a entrevista coletiva desta quinta-feira, em São Januário, Ricardo Gomes voltou a mostrar confiança de que a diretoria vai conseguir um maior equilíbrio financeiro no segundo semestre deste ano e aproveitou para espantar qualquer boato de uma possível saída de Paulo Autuori por conta de salários atrasados.

O treinador vascaíno vem cobrando constantemente que os salários fossem colocados em dia até julho, prazo que havia sido passado a ele pela própria diretoria.

- A saída do Paulo só no fim do contrato, se não for renovado. Mas não, não tem nenhum risco dele sair, não. O nosso trabalho é para resolver tudo em julho. Eu posso garantir que estamos trabalhando pesado para resolver os problemas financeiros. Pode ser no dia 1 ou no dia 20 de julho, mas vamos resolver - disse Gomes.

Antes do treinamento da manhã desta quinta-feira, houve uma reunião da diretoria com os jogadores. Entre outros assuntos, a questão dos salários foi conversada. Ricardo Gomes não quis se estender sobre isso, mas reafirmou que a situação será resolvida este mês.

- Isso é uma questão interna, que nao deve ir a público. Vai ser difícil eu falar sobre isso, de pagamento, mas isso fica entre os jogadores. Estamos querendo sair dessa fase e acho que vamos sair - completou ele.