icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
19:41

Uma lambança da equipe brasileira na disputa do revezamento 4x100m feminino na Liga de Diamante impediu o país de brigar por uma medalha nesta sexta-feira. O time nem sequer completou a prova.

Na passagem do bastão entre a terceira corredora – Franciela Krasucki – e a quarta – Vanda Gomes –, as brasileiras perceberam que estavam na raia errada. A confusão também acabou atrabalhando a Holanda e a Polônia, que não completaram a prova.

Pelo Brasil, também competiram Ana Cláudia Lemos e Evelyn Cunha. As britânicas venceram com 42s69. Em segundo veio um combinado internacional (43s16) e em terceiro lugar a França (43s46).

No salto com vara, Fabiana Murer levou o bronze ao saltar 4,63m. O ouro ficou com a cubana Yarisley Silva (4,83m) e a prata com a americana Jennifer Suhr (4,73m). No salto triplo, Keila Costa foi a sexta, com 13,77m.

Uma lambança da equipe brasileira na disputa do revezamento 4x100m feminino na Liga de Diamante impediu o país de brigar por uma medalha nesta sexta-feira. O time nem sequer completou a prova.

Na passagem do bastão entre a terceira corredora – Franciela Krasucki – e a quarta – Vanda Gomes –, as brasileiras perceberam que estavam na raia errada. A confusão também acabou atrabalhando a Holanda e a Polônia, que não completaram a prova.

Pelo Brasil, também competiram Ana Cláudia Lemos e Evelyn Cunha. As britânicas venceram com 42s69. Em segundo veio um combinado internacional (43s16) e em terceiro lugar a França (43s46).

No salto com vara, Fabiana Murer levou o bronze ao saltar 4,63m. O ouro ficou com a cubana Yarisley Silva (4,83m) e a prata com a americana Jennifer Suhr (4,73m). No salto triplo, Keila Costa foi a sexta, com 13,77m.