icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/07/2013
20:33

No reencontro de Flamengo e Botafogo com o Maracanã após três anos, o Rubro-Negro conseguiu arrancar um empate aos 49 minutos, com um gol salvador de Elias, e impediu o Glorioso de quebrar um tabu de 13 anos sem vencer o duelo pelo Brasileiro. Com o resultado de 1 a 1, o time comandado por Oswaldo de Oliveira chegou aos 17 pontos e está na vice-liderança. Já o Flamengo chegou aos 10 pontos e saiu da zona de rebaixamento, empurrando assim o rival Fluminense, que tem nove pontos e perdeu neste domingo para o Grêmio, para a zona de risco.

O próximo desafio do time da Gávea será na quarta-feira, diante do Bahia, na Arena Fonte Nova, às 21h50. Enquanto, o Glorioso recebe o Vitória, no Maracanã, quinta-feira, às 19h30.


BOTAFOGO DOMINA O PRIMEIRO TEMPO

A partida começou bem truncada no meio de campo. O time de Mano Menezes estava sem muita ação ofensiva, já que errava muitos passes no meio, e com isso o Glorioso chegava mais facilmente ao gol de Felipe.

O primeiro gol do clássico saiu aos 22 minutos da primeira etapa, quando João Paulo fez falta em Lodeiro na lateral da grande área. Seedorf, em jogada ensaiada, achou Rafael Marques que de primeira acertou o canto do arqueiro rubro-negro. Botafogo 1 a 0.


Jogadores do Botafogo vibram com o gol de Rafael Marques (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

A primeira finalização do Flamengo só saiu aos 30 minutos em uma cobrança de falta de João Paulo, que Jefferson espalmou. A jogada acordou a torcida e deu uma injeção de ânimo ao Rubro-Negro. Porém, a equipe continuava a errar muitos passes.

Quem se aproveitava dessa desatenção do Rubro-Negro foi o trio de armação do time de Oswaldo, formado por Vitinho, Seedorf e Rafael Marques, que seguia explorando os contra-ataques e deixava a defesa do Flamengo completamente perdida. O holandês quase ampliou o placar em uma cobrança de falta, porém, a bola explodiu na trave, sem qualquer tipo de reação de Felipe.

FLA TEM DOIS GOLS ANULADOS E CONSEGUE EMPATAR NO FIM

No intervalo, Mano Menezes fez duas alterações, colocando Luiz Antonio e Adryan nas vagas de Diego Silva e Gabriel. As alterações surtiram efeito e o Flamengo começou a segunda etapa criando mais perigo.

Já no primeiro minuto, Adryan encontrou Marcelo Moreno livre, o atacante chutou fime de perna esquerda, mas Jefferson defendeu com segurança. O lance acordou de vez a torcida rubro-negra. Aos 16 minutos, Elias, do meio-campo, fez um belo lançamento para Carlos Eduardo, o meia na entrada da área dominou mal, a bola sobrou para Adryan, que acertou uma pancada, porém, a bola parou no travessão. Na segunda chance, Adryan chutou de fora da área, Jefferson não conseguiu alcançar e a bola foi parar no travessão, no rebate, Elias jogou para o fundo das redes. Gol anulado pelo árbitro Péricles Bassols. O volante rubro-negro estava impedido no lance.

Mostrando uma postura bem diferente na segunda etapa, as equipes buscaram mais o jogo e partida esquentou. O Botafogo recuou um pouco mais com a entrada de Renato na vaga de Vitinho. O Flamengo se aproveitou e conseguiu empatar aos 26 minutos, porém, novamente o árbitro da partida anulou o gol do Flamengo. Elias, em posição duvidosa, após bate e rebate dentro da área mandou a bola para as redes. O bandeirinha marcou impedimento do camisa 8.


Jogadores do Flamengo reclamaram do gol anulado (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

Até o fim do jogo, o que se viu foi o Flamengo buscando a todo custo o empate e o Botafogo explorando os contra-ataques. O gol rubro-negro chegou aos 48 minutos, após um chutão de Luiz Antonio, a bola repicou em frente a zaga do Botafogo e Elias não desperdiçou desta vez. Garantindo a igualdade e retirando a equipe da zona de risco.


Adryan abraça Elias, autor do gol de empate do Flamengo (Foto: Ricardo Ramos/LANCE!Press)

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1  x 1  BOTAFOGO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 28/07/2013 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (RJ)                                                                                   
Renda/Público: R$ 3.082.555,00/ 38.853 pagantes
Cartões amarelos: Gabriel e Gilberto (BOT); Hernane (FLA)

Gols: Rafael Marques 21'/1ºT (0-1) e Elias 48'/2ºT (1-1)

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Diego Silva (Luiz Antonio, intervalo), Elias, Paulinho e Gabriel (Adryan, intervalo); Carlos Eduardo (Hernane, 33'/2°T) e Marcelo Moreno. Técnico: Mano Menezes.

BOTAFOGO: Jefferson, Gilberto, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel (Antônio Carlos, 47'/2°T), Lodeiro (Lima, 42'/2°T); Vitinho (Renato, 18'/2°T) e Seedorf; Rafael Marques. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

No reencontro de Flamengo e Botafogo com o Maracanã após três anos, o Rubro-Negro conseguiu arrancar um empate aos 49 minutos, com um gol salvador de Elias, e impediu o Glorioso de quebrar um tabu de 13 anos sem vencer o duelo pelo Brasileiro. Com o resultado de 1 a 1, o time comandado por Oswaldo de Oliveira chegou aos 17 pontos e está na vice-liderança. Já o Flamengo chegou aos 10 pontos e saiu da zona de rebaixamento, empurrando assim o rival Fluminense, que tem nove pontos e perdeu neste domingo para o Grêmio, para a zona de risco.

O próximo desafio do time da Gávea será na quarta-feira, diante do Bahia, na Arena Fonte Nova, às 21h50. Enquanto, o Glorioso recebe o Vitória, no Maracanã, quinta-feira, às 19h30.


BOTAFOGO DOMINA O PRIMEIRO TEMPO

A partida começou bem truncada no meio de campo. O time de Mano Menezes estava sem muita ação ofensiva, já que errava muitos passes no meio, e com isso o Glorioso chegava mais facilmente ao gol de Felipe.

O primeiro gol do clássico saiu aos 22 minutos da primeira etapa, quando João Paulo fez falta em Lodeiro na lateral da grande área. Seedorf, em jogada ensaiada, achou Rafael Marques que de primeira acertou o canto do arqueiro rubro-negro. Botafogo 1 a 0.


Jogadores do Botafogo vibram com o gol de Rafael Marques (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

A primeira finalização do Flamengo só saiu aos 30 minutos em uma cobrança de falta de João Paulo, que Jefferson espalmou. A jogada acordou a torcida e deu uma injeção de ânimo ao Rubro-Negro. Porém, a equipe continuava a errar muitos passes.

Quem se aproveitava dessa desatenção do Rubro-Negro foi o trio de armação do time de Oswaldo, formado por Vitinho, Seedorf e Rafael Marques, que seguia explorando os contra-ataques e deixava a defesa do Flamengo completamente perdida. O holandês quase ampliou o placar em uma cobrança de falta, porém, a bola explodiu na trave, sem qualquer tipo de reação de Felipe.

FLA TEM DOIS GOLS ANULADOS E CONSEGUE EMPATAR NO FIM

No intervalo, Mano Menezes fez duas alterações, colocando Luiz Antonio e Adryan nas vagas de Diego Silva e Gabriel. As alterações surtiram efeito e o Flamengo começou a segunda etapa criando mais perigo.

Já no primeiro minuto, Adryan encontrou Marcelo Moreno livre, o atacante chutou fime de perna esquerda, mas Jefferson defendeu com segurança. O lance acordou de vez a torcida rubro-negra. Aos 16 minutos, Elias, do meio-campo, fez um belo lançamento para Carlos Eduardo, o meia na entrada da área dominou mal, a bola sobrou para Adryan, que acertou uma pancada, porém, a bola parou no travessão. Na segunda chance, Adryan chutou de fora da área, Jefferson não conseguiu alcançar e a bola foi parar no travessão, no rebate, Elias jogou para o fundo das redes. Gol anulado pelo árbitro Péricles Bassols. O volante rubro-negro estava impedido no lance.

Mostrando uma postura bem diferente na segunda etapa, as equipes buscaram mais o jogo e partida esquentou. O Botafogo recuou um pouco mais com a entrada de Renato na vaga de Vitinho. O Flamengo se aproveitou e conseguiu empatar aos 26 minutos, porém, novamente o árbitro da partida anulou o gol do Flamengo. Elias, em posição duvidosa, após bate e rebate dentro da área mandou a bola para as redes. O bandeirinha marcou impedimento do camisa 8.


Jogadores do Flamengo reclamaram do gol anulado (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

Até o fim do jogo, o que se viu foi o Flamengo buscando a todo custo o empate e o Botafogo explorando os contra-ataques. O gol rubro-negro chegou aos 48 minutos, após um chutão de Luiz Antonio, a bola repicou em frente a zaga do Botafogo e Elias não desperdiçou desta vez. Garantindo a igualdade e retirando a equipe da zona de risco.


Adryan abraça Elias, autor do gol de empate do Flamengo (Foto: Ricardo Ramos/LANCE!Press)

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1  x 1  BOTAFOGO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 28/07/2013 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (RJ)                                                                                   
Renda/Público: R$ 3.082.555,00/ 38.853 pagantes
Cartões amarelos: Gabriel e Gilberto (BOT); Hernane (FLA)

Gols: Rafael Marques 21'/1ºT (0-1) e Elias 48'/2ºT (1-1)

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Diego Silva (Luiz Antonio, intervalo), Elias, Paulinho e Gabriel (Adryan, intervalo); Carlos Eduardo (Hernane, 33'/2°T) e Marcelo Moreno. Técnico: Mano Menezes.

BOTAFOGO: Jefferson, Gilberto, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel (Antônio Carlos, 47'/2°T), Lodeiro (Lima, 42'/2°T); Vitinho (Renato, 18'/2°T) e Seedorf; Rafael Marques. Técnico: Oswaldo de Oliveira.