icons.title signature.placeholder Lucas Pedrosa
02/02/2015
18:18

O Flamengo voltou ao Rio de Janeiro com algumas notícias desagradáveis. Após o empate em 1 a 1, com o Macaé, o Rubro-Negro se apresentou na tarde desta segunda-feira, no Ninho do Urubu. Porém, um temporal derrubou duas árvores no local. Completando a maré de azar, o goleiro Paulo Victor, que sofreu um corte na cabeça, durante a partida do último sábado, ficou de repouso em casa. O lateral-direito Leonardo Moura, que sentiu um desconforto na coxa direita, durante a estreia no Estadual, realizou um trabalho na academia do CT, junto aos outros titulares da equipe. Os reservas fizeram um trabalho físico no gramado.

Em seu primeiro treinamento da semana, o Flamengo encontrou o Ninho do Urubu atípico. Pela manhã, uma chuva forte atingiu o local, fazendo com que duas árvores caíssem, e uma delas, no campo 1 do CT. Segundo a assessoria do clube, uma das árvores já foi cerrada e retirada, e a outra, que caiu em um dos campos de treinamento, será retirada nesta terça-feira. O goleiro Paulo Victor, um dos destaques do clube desde o ano passado, sofreu um corte na cabeça, durante a partida contra o Macaé. O goleiro chegou a desmaiar na hora do incidente. Na reapresentação, o arqueiro não estava presente, pois ficou de repouso em casa. A assessoria também informou que ele se reapresenta amanhã, e será reavaliado.

O treino foi direcionado para os reservas, com um trabalho físico específico para os jogadores que não atuaram ou entraram no decorrer da última partida. O goleiro César, possível substituto de Paulo Victor, caso o titular não jogue, se destacou na atividade entre os arqueiros. Outra dúvida que paira sobre o Rubro-Negro é o lateral-direito Leonardo Moura, que foi substituído no primeiro tempo do jogo, diante do Macaé, alegando um desconforto na coxa-direita. Porém, o jogador fez academia nesta segunda-feira, junto aos outros titulares, realizando uma atividade regenarativa, e será reavaliado nesta terça.