icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
17/11/2014
17:29

O velódromo utilizado nos jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio de Janeiro foi transferido para Pinhais, no Paraná. Entretanto, a remontagem não deve ficar pronta a tempo de ser utilizado como centro de treinamento para a Olimpíada de 2016, de acordo com o Uol.

Apesar do Ministério do Esporte estimar o ano de 2017 para reabertura da pista. O secretário de Cultura, Esporte e Lazer de Pinhas, Ricardo Pinheiro, mantém um discurso positivo e diz que tudo será entregue a tempo.

- Temos um compromisso de abrir de abrir o velódromo para a aclimatação de atletas do Brasil e do exterior para a Olimpíada. Isso fez parte do acordo para que recebêssemos a pista. Vamos iniciar a montagem em breve e cumpriremos com o combinado - disse Ricardo.

Desativada em 2013, a princípio a pista seria transferida para Goiânia, em Goias. Entretanto, a cidade recusou a montagem do velódromo quase seis meses depois de aceitar o projeto de remontagem.

No final do ano passado, então, Pinhais conseguiu o direito de ficar com a pista. Em Junho, as peças começaram a chegar no Paraná. O trabalho de remontagem deve custar cerca de R$20 milhões aos cofres públicos.