icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/02/2015
12:15

Walter tem pouco mais de um ano no Fluminense, mas já tem uma história marcante pelo Tricolor. A briga deste sábado com o goleiro reserva Kléver foi apenas mais um capítulo na lista de polêmicas do camisa 18 nas Laranjeiras. Tem de tudo, do excesso de peso até deitar e rolar após gol.

CONFIRA AS CINCO POLÊMICAS DE WALTER NO FLUMINENSE:

CHEGADA


Walter chegou ao Fluminense em janeiro de 2014 após ter feito um excelente Campeonato Brasileiro pelo Goiás. O que surpreendeu foi o peso do jogador. O atacante chegou em Mangaratiba, local da pré-temporada do time no ano, muito acima do peso. O então técnico Renato Gaúcho revelou que ele chegou com 106kg e perdeu cerca de 12kg ainda no início do Campeonato Carioca.

FICOU P...


Era só a segunda rodada do Campeonato Brasileiro, início de trabalho do técnico Cristovão Borges no Fluminense. O Tricolor venceu o Palmeiras por 1 a 0, no Pacaembu e o treinador só fez duas das três substituições possíveis. No banco (a dupla titular foi Sobis e Fred), o atacante reclamou de não ter participado da partida.

– Foi um jogo muito difícil. Jogo complicado, mas acabou dando certo. Saio daqui feliz, mas chateado. O treinador tinha mais uma substituição e não usou. Saio daqui muito p... – disse o atacante, na ocasião.

DEITOU E ROLOU


Substituto de Fred, que estava com a Seleção Brasileira se preparando para a Copa do Mundo, o camisa 18 brilhou diante do São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. Quando ainda estava no Goiás, vazou um vídeo do atacante dizendo que ia deitar e rolar nas semifinais da Copa do Brasil, diante do Flamengo. Lesionado, ele nem chegou a participar deste duelo.

Já no Fluminense, ele marcou dois gols, sendo que um deles foi um golaço, e comemorou desta maneira: deitando e rolando no gramado do Maracanã.

"MUITO DIFÍCIL EU CONTINUAR LÁ"

No fim do ano passado, o atacante concedeu uma entrevista para uma rádio do Rio Grande do Sul e revelou que dificilmente continuaria no Fluminense para a temporada 2015. Ele citou a saída da Unimed como uma das dificuldades. O camisa 18 chegou a receber propostas de Goiás, Santos, Grêmio e Flamengo. Apesar da fala, ele se reapresentou normalmente e faz parte do elenco até hoje.

- Tem muita coisa envolvida. A princípio volto para o Fluminense, tenho contrato, mas é muito difícil eu continuar lá. Se eu não me engano, até o dia 31, o Fluminense tem de pagar um parcela do meu empréstimo. Quero que meu ano de 2015 seja muito bom. Estou vendo outras coisas. O Fluminense vai mudar bastante, pode ser para melhor ou para pior – disse Walter, em dezembro de 2014.

BRIGA COM KLÉVER


No último treino antes do clássico contra o Vasco, o atacante discutiu com o goleiro reserva Kléver após um lance em que o goleiro deu um pisão em Fred, durante o recreativo. Ele tentou agredir o companheiro com uma voadora, mas foi impedido pelos outros jogadores. Após a briga, ele conversou com Kléver, os dois se acertaram e selaram a paz.