icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/04/2014
17:56

Um relatório produzido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) apontou que a Arena da Baixada, a Arena da Amazônia e o Beira-Rio apresentam riscos de falha na distribuição de enrgia elétrica durante a Copa, segundo matéria publicada pelo portal Globoesporte.

O relatório afirmou que 'a maioria dos atrasos observados na implantação das obras de distribuição de energia elétrica não oferece, neste momento, risco à confiabilidade proposta para o abastecimento de energia para a Copa de 2014'.

A situação mais preocupante verificada pela agência reguladora é no estádio do Internacional, visto que a subestação Menino Deus, principal fonte de energia do estádio gaúcho, tem apenas 58% das obras civis e 10% de montagem realizadas.

No Paraná, as obras de três linhas de transmissão que abastecem a Arena da Baixada têm suas obras atrasadas.

Em Manaus, a ANEEL detectou fragilidade na interligação entre a capital do Amazonas e a hidrelétrica de Tucuruí.