icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/03/2014
20:00

Não bastasse a situação complicada no hexagonal do Campeonato Catarinense, a Chapecoense tem de enfrentar a ausência de importantes jogadores. Ao menos, uma boa notícia para o confronto deste domingo, contra o Marcílio Dias, às 16h, na Arena Condá: a equipe de Chapecó poderá contar com Régis, que cumpriu suspensão automática.

Mas, ainda há oito jogadores que desfalcam a equipe. De todos eles, apenas um suspenso: Nenén. Os demais atletas estão lesionados. Tiago Luís até se reapresentou para o treinador Gilmar Dal Pozzo na manhã desta sexta-feira, mas teve de ver do banco o final do treinamento: ele voltou a sentir uma lesão na coxa esquerda. Os outros seis que seguem no departamento médico são André Paulino, Tiago Saletti, Rodrigo Gral, Bergson, Neílson e Fabinho Alves.

Dal Pozzo, após o último confronto com o Atlético de Ibirama, comentou sobre as dificuldades por conta dos desfalques:

- Nós que colocamos a Chapecoense nesta situação e agora temos que tirar. A gente está sofrendo bastante com uma série de lesões. Hoje, oito atletas que seriam titulares não jogaram. A situação é difícil, mas a gente tem que encarar de frente.

A Chapecoense, em quarta colocada no hexagonal, está com três pontos, empatada neste critério com os últimos colocados Avaí e Atlético-IB.