icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/11/2013
11:57

A reformulação do Milan, pregada por Barbara Berlusconi, filha do proprietário do clube, Silvio Berlusconi, poderá fazer com que pesos pesados do elenco como Abate, Niang e até mesmo Robinho e Balotelli deixem a equipe. Todos são representados por Mino Raiola, que segundo o diário "Corriere dello Sport" virou espécie de "persona no grata" para o clã Berlusconi.

Isso ocorre porque, segundo a publicação, a família Berlusconi não está satisfeita com a influência adquirida no clube pelo empresário Mino Raiola, principalmente na forma como este cuida da carreira de Balotelli.

Raiola é amigo pessoal de Adriano Galliani, administrador delegado do Milan. O dirigente foi alvo, no início desta semana, da ira de Barbara Berlusconi. Ela afirmou que o clube precisava passar por uma reformulação, sem Galliani.

E MAIS:

>Galliani garante que Balotelli não sai do Milan
>Técnico do Milan nega que Balotelli possa deixar o clube
>Empresário diz que ida de Balotelli para o Chelsea é possível

Balotelli, que está avaliado em 30 milhões de euros (R$ 91,4 milhões), poderia inclusive ser negociado já em janeiro. O atacante teria propostas de PSG e Chelsea. No caso do clube francês, ele se juntaria ao sueco Ibrahimovic, que também é cliente de Mino Raiola, porém na equipe inglesa ele voltaria a trabalhar com José Mourinho, o seu treinador preferido.