icons.title signature.placeholder Marcio Porto
09/02/2015
10:44

O São Paulo se reapresentou nesta segunda-feira com novidades. Últimos reforços anunciados pelo clube, o zagueiro Dória e o meio-atacante Centurión treinaram pela primeira vez com o grupo, em atividade técnica no CT da Barra Funda.

A dupla treinou sob sol forte, na atividade de dois toques, visando aperfeiçoar o passe e o entrosamento entre os jogadores. Aparentemente em boas condições físicas, a dupla fica na dependência da regularização de documentos para poder estrear pelo Tricolor. No Paulistão, eles devem ser inscritos até esta terça-feira, prazo final dos listados para a primeira fase. Já na Libertadores, o São Paulo tem até o dia 17, véspera da estreia, para enviar os inscritos.

Pelo pouco tempo de atividades com os demais companheiros, é improvável que Dória e Centurión atuem já nesta quarta-feira, no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro. No entanto, o técnico Muricy Ramalho conta com eles para a estreia na Libertadores e, por isso, precisa testá-los o quanto antes. Depois do Santos, a equipe terá apenas o Bragantino, no sábado, antes de começar a luta pelo tetracampeonato da América, provavelmente contra o Corinthians, na Arena.

SOUZA PEDE PARA JOGAR O CLÁSSICO

Outra boa notícia para Muricy foi o retorno do volante Souza aos treinos. Foi a primeira atividade do jogador com o grupo após se recuperar de uma pancada na perna direita. O volante se machucou no Torneio de Manaus, antes do Campeonato Paulista, na partida contra o Flamengo e ainda não estreou no Estadual. E isso poderá acontecer nesta quarta, contra o Santos, se depender da vontade do atleta.

Após perder as três primeiras rodadas, em que o São Paulo conquistou três vitórias com Maicon em seu lugar, Souza se colocou à disposição da comissão técnica para o clássico e pediu para ser levado. Nesta segunda, ele ainda treinou com uma proteção na perna e atuou como coringa, podendo passar a bola para os dois times. A posição evitou que o volante dividisse bola com os companheiros.

No último sábado, depois da vitória sobre o XV de Piracicaba, Muricy demonstrou preocupação com a situação do jogador, colocando em dúvida até sua participação na estreia na Libertadores.

O técnico, no entanto, reforçou a importância de contar com todos os jogadores o quanto antes, para montar o time da estreia. Os zagueiros Breno, Paulo Miranda e Rodrigo Caio, recuperados de lesão, mas aprimorando a parte física, ainda não estão à disposição, assim como o lateral-esquerdo Carlinhos e o meia Daniel, ainda lesionados.

Por outro lado, Muricy também recebeu o retorno do lateral-direito Auro, que estava com a Seleção sub-20 na disputa do Campeonato Sul-Americano da categoria, no Uruguai.