icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/07/2013
11:07

Em um trecho de 84 quilômetros cronometrados entre Goiânia e Pirenópolis, Guido Salvini, da Mercedes Benz Atego 1725 4x4, levou a melhor e venceu a disputa da primeira especial do Rali dos Sertões, na última sexta-feira.

Com o tempo de 1h46min36s, o piloto superiu o trio adversário de Edu Piano, da equipe Ford Cargo 1933 4x4.

- O início da especial estava até bom de andar, mas tivemos um problema no filtro de combustível, que acredito que estava com algum defeito. Tinha horas que o desempenho era bom e tinha horas que não. Na subida, com o motor cheio o tempo inteiro, faltava combustível. Não conseguimos imprimir um ritmo bom. Mas, da metade para o final, mesmo com o piso ruim, conseguimos render melhor. Foi um dia legal e deu para esquentar um pouco. Mas ainda tem muita coisa pela frente - disse Salvini, seis vezes campeão do Sertões.

Piano também falou sobre as dificuldades durante a primeira especial.

- dia foi bem quebradeira. Muito difícil, mas decidimos poupar equipamento. Ouvimos um barulho forte e paramos para ver e a rampa tinha soltado e estava rasgando a lona. Tivemos que tirar e perdemos tempo. Mas foi uma especial bem gostosa e difícil - falou.

Neste sábado, os pilotos percorrerão 414 quilômetros, sendo 287 deles de especial, entre Pirenópolis e Uruaçu.

Resultado Caminhões - 1ª etapa - Extra-oficial:

1) Guido Salvini/Flavio Bisi/Fernando Chwalgert (Mercedes Benz Atego 1725 4x4) - 1h46min36
2) Edu Piano /Solon Mendes/Antonio Carlos de Sales (Ford Cargo 1933 4x4) - 2h04min01

Em um trecho de 84 quilômetros cronometrados entre Goiânia e Pirenópolis, Guido Salvini, da Mercedes Benz Atego 1725 4x4, levou a melhor e venceu a disputa da primeira especial do Rali dos Sertões, na última sexta-feira.

Com o tempo de 1h46min36s, o piloto superiu o trio adversário de Edu Piano, da equipe Ford Cargo 1933 4x4.

- O início da especial estava até bom de andar, mas tivemos um problema no filtro de combustível, que acredito que estava com algum defeito. Tinha horas que o desempenho era bom e tinha horas que não. Na subida, com o motor cheio o tempo inteiro, faltava combustível. Não conseguimos imprimir um ritmo bom. Mas, da metade para o final, mesmo com o piso ruim, conseguimos render melhor. Foi um dia legal e deu para esquentar um pouco. Mas ainda tem muita coisa pela frente - disse Salvini, seis vezes campeão do Sertões.

Piano também falou sobre as dificuldades durante a primeira especial.

- dia foi bem quebradeira. Muito difícil, mas decidimos poupar equipamento. Ouvimos um barulho forte e paramos para ver e a rampa tinha soltado e estava rasgando a lona. Tivemos que tirar e perdemos tempo. Mas foi uma especial bem gostosa e difícil - falou.

Neste sábado, os pilotos percorrerão 414 quilômetros, sendo 287 deles de especial, entre Pirenópolis e Uruaçu.

Resultado Caminhões - 1ª etapa - Extra-oficial:

1) Guido Salvini/Flavio Bisi/Fernando Chwalgert (Mercedes Benz Atego 1725 4x4) - 1h46min36
2) Edu Piano /Solon Mendes/Antonio Carlos de Sales (Ford Cargo 1933 4x4) - 2h04min01