icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
23/07/2013
20:12

Peça chave no esquema do técnico Tite, Ralf ficou mais próximo de poder enfrentar o São Paulo, no próximo domingo, no Pacaembu. Reavaliado nesta terça-feira por conta de um edema no músculo adutor da coxa direita, o camisa 5 não se queixou de dores e deve ir a campo na próxima quinta-feira.

Se não sentir nada durante a atividade no gramado do CT Joaquim Grava, o volante estará liberado para o clássico Majestoso, que desta vez é válido pelo Campeonato Brasileiro. Apesar do quadro positivo, o departamento médico decidiu usar esta quarta-feira para dar mais um dia de tratamento e "garantir" a cura do problema.

- Ele ainda é dúvida, mas tudo vai depender desse trabalho no campo. Se ele responder bem na quinta-feira, treina nos outros dias e vai para a partida. O positivo é que ele não sente mais dores - afirmou Julio Stancati, médico do Corinthians, ao LANCE!Net.

Como ficou pouco tempo parado, ele não precisaria retomar sua forma física e estaria apto para ir para o duelo. Ralf sentiu o desconforto durante o jogo contra o próprio São Paulo, na final da Recopa Sul-Americana, na última quarta-feira.

Por conta disso, perdeu a partida contra o Atlético-PR, no Paraná, no último domingo. Na ocasião, Maldonado foi o seu substituto da partida que terminou 1 a 1.

Peça chave no esquema do técnico Tite, Ralf ficou mais próximo de poder enfrentar o São Paulo, no próximo domingo, no Pacaembu. Reavaliado nesta terça-feira por conta de um edema no músculo adutor da coxa direita, o camisa 5 não se queixou de dores e deve ir a campo na próxima quinta-feira.

Se não sentir nada durante a atividade no gramado do CT Joaquim Grava, o volante estará liberado para o clássico Majestoso, que desta vez é válido pelo Campeonato Brasileiro. Apesar do quadro positivo, o departamento médico decidiu usar esta quarta-feira para dar mais um dia de tratamento e "garantir" a cura do problema.

- Ele ainda é dúvida, mas tudo vai depender desse trabalho no campo. Se ele responder bem na quinta-feira, treina nos outros dias e vai para a partida. O positivo é que ele não sente mais dores - afirmou Julio Stancati, médico do Corinthians, ao LANCE!Net.

Como ficou pouco tempo parado, ele não precisaria retomar sua forma física e estaria apto para ir para o duelo. Ralf sentiu o desconforto durante o jogo contra o próprio São Paulo, na final da Recopa Sul-Americana, na última quarta-feira.

Por conta disso, perdeu a partida contra o Atlético-PR, no Paraná, no último domingo. Na ocasião, Maldonado foi o seu substituto da partida que terminou 1 a 1.