icons.title signature.placeholder Maurício Ferro
25/11/2014
08:16

O Fluminense está cada vez mais distante da classificação para a Libertadores do ano que vem. Embora o discurso seja de não jogar a toalha, os jogadores já mostram conformismo com a situação em que se encontram na tabela e procuram lembrar que este time foi rebaixado no ano passado. Após o empate com o Sport, Fred seguiu essa linha de raciocínio.

– Este time só não caiu devido ao erro da Portuguesa (que escalou um atleta irregular e foi punida). Temos que ser realistas. Foi difícil no ano passado e este ano também está sendo – analisou o camisa 9.

Companheiro de ataque do capitão na última partida, Rafael Sobis, ontem, no desembarque do Flu, deu declarações que se encontraram com as do colega:

– Estamos fazendo muito. É difícil falar isso, porque vão achar que estamos puxando para o nosso lado. Tivemos muitos problemas neste ano, não só dentro de campo, mas fora também. Coisas que não vem ao caso externar. O time é 99% o mesmo que caiu ano passado.

O conformismo do elenco com o atual 7 lugar na classificação desagradou o ex-jogador tricolor Duílio. Ao LANCE!, ele relembrou que na maior parte dos jogos contra times de cima da tabela, a equipe saiu vitoriosa. O problema maior foi contra quem briga embaixo:

– O nível do time do Flu não é para isso. São jogadores em nível de Seleção Brasileira. Acreditávamos que o Fluminense faria algo mais. Não é no fim que se diz isso ou aquilo. As contas são feitas nas derrotas que o time teve para as equipes da parte de baixo da tabela.

Discordando ou não, o fato é que o Tricolor possui 3% de chances de ir à Libertadores, segundo o site Infobola. Uma missão quase impossível.