icons.title signature.placeholder Luis Fernando Coutinho
06/11/2013
12:25

Rafael Sapo fará a luta mais importante de sua carreira nesta quarta-feira. No UFC Fight Night no Combate: Natal x Kennedy, que acontece em Kentucky (EUA), o brasileiro fará a luta principal do show contra Tim Kennedy em busca de sua quata vitória consecutiva na organização em 2013. Diante de um grande adversário, o mineiro sabe que pode dar um grande passo rumo ao topo da categoria dos médios, que já tem inúmeros lutadores brasileiros em sua elite de olho no cinturão, que atualmente pertence a Chris Weidman.  

Em entrevista ao LANCE!Net, o mineiro comentou a expectativa para fazer parte do "bolo" que já conta com Anderson Silva, Vitor Belfort, Ronaldo Jacaré e Lyoto Machida. Ele acredita que a categoria dos médios seja a mais dominante para o MMA brasileiro dentro do UFC.

- Acho que em nenhuma categoria temos tantos bons representantes brasileiros como nos médios. A chance do cinturão ficar no Brasil é enorme. Temos Lyoto, Jacaré, Vitor, Anderson... Quero entrar nessa "panela", embolar com eles. Achei a vinda do Lyoto para os médio muito boa, ele melhorou bastante. É bom ter tanta gente boa para valorizar a categoria. Quero chegar lá e figurar junto a eles. Quero vencer essa luta para entrar nesse meio - declarou o lutador, em conversa por telefone.

Natal acredita que, se vencer, terá uma vaga certa entre os dez melhores lutadores da divisão. Segundo o próprio, a oportunidade de fazer uma luta principal contra um atleta renomado como Tim Kennedy é a oportunidade que ele sempre esperou.

- É a oportunidade que sempre quis. Queria mesmo enfrentar um cara de nome. Quem me acompanha, sabe que estou evoluindo. Queria ter mais tempo para me preparar, mas não tenho do que reclamar. Uma vitória vai me deixar bem na categoria. Ganhando bem essa luta, facilmente chego ao top dez. E dali, começo a pegar os caras duros da categoria para chegar ao nível do cinturão - analisou o atleta, que vem de três vitórias consecutivas.

Kennedy e Rafael se enfrentar no Fight For The Troops 3 (FOTO: Divulgação/UFC)

Confira um bate-papo com Rafael 'Sapo' Natal
Qual a análise que você faz do Tim Kennedy?
O Kennedy tem o gás e o wrestling como maior arma. Ele também tem um jiu-jitsu forte. Já enfrentou grandes nomes, mas nunca foi finalizado em 20 lutas. Ele é um cara que gosta de ficar por cima, mas não apresenta muito jogo de chão, pois sempre que ele cai, tenta levantar. Por conta da base de wrestling, ele gosta de ficar por cima. Pra mim é tranquilo, pois fico confortável por baixo. Acho que vamos trocar muito em pé, mas em determinado momento vai virar uma luta de chão. Vou tentar finalizá-lo se ele me derrubar.

Qual o seu sentimento em poder fazer uma luta principal pela primeira vez no UFC?
Sempre lutei melhor sob pressão. Será um evento para as tropas americanas, dentro da base militar. Vou estar na casa do Tim Kennedy. Estou confortável. A pressão estará em cima dele. Claro que tem um frio na barriga, vou pensar no Brasil todo me assistindo. Mas depois que entrarmos no octógono, na hora da luta esquecemos de tudo.

Mande uma mensagem para os brasileiros...
Podem esperar muito coração nessa luta, como nunca me faltou. Se Deus quiser, buscarei um nocaute ou uma finalização. Muita gente tem falado que não mereço fazer essa luta principal, mas podem acreditar que estou pronto para fazer uma grande luta. Vou honrar os brasileiros. Não percam essa luta. Será uma das melhores do ano. Conto com a torcida de vocês para vencer e chegar ao top 10. 

O UFC Fight Night no Combate – Kennedy x Natal acontece a partir das 18h15 desta quarta. O show terá transmissão completa e exclusiva do canal Combate.

Confira as lutas do show
CARD PRINCIPAL
Tim Kennedy x Rafael Natal
Liz Carmouche x Alexis Davis
Ronny Markes x Yoel Romero
Jorge Masvidal x Rustam Khabilov
Colton Smith x Michael Chiesa
CARD PRELIMINAR
Bobby Green x James Krause
George Roop x Francisco Rivera
Dennis Bermudez x Steven Siler
Amanda Nunes x Germaine de Randamie
Chris Camozzi x Lorenz Larkin
Yves Edwards x Yancy Medeiros
Neil Magny x Seth Baczynski
Derek Brunson x Brian Houston