icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/12/2013
17:19

O bigodudo Willian foi, sem dúvida, um dos destaques do Cruzeiro no Brasileirão 2013. Autor de sete gols e sete assistências no torneio, o meia-atacante caiu de vez nas graças da torcida, que quer continuar vendo o camisa 41 atuando pelo Cruzeiro. Emprestado pelo Metalist até o meio do próximo ano, o jogador ainda poderá ser comprado pelo Cruzeiro, caso o time mineiro opte por pagar os quatro milhões de euros aos ucranianos.

Se depender de Willian, sua história em BH não terminará em 2014.

- Esperamos resolver essa situação o quanto antes. Sabemos que não é legal deixar para a última hora, mas meus empresários já estão conversando com o Cruzeiro e vão definir o que é melhor para mim e para o clube - comentou o jogador, durante a gravação da 10ª edição do Troféu Mesa Redonda.

MAIS:
> Gerente do Cruzeiro confirma que Samudio foi oferecido
> Raposa ouve não de Fluminense sobre negociação por Fred

De férias após o título do Brasileirão, Willian ainda verá o rival do Cruzeiro jogar o Mundial de Clubes, competição que a Raposa atuou por duas vezes, mas ficou com o vice campeonato nos anos de 1976 e 1997. Questionado sobre a torcida contra o Galo, Willian não entrou em detalhes, mas deixou a torcida contra o rival para os torcedores. Para ele, a Raposa ainda terá sua chance de jogar o torneio da FIFA, já que disputará a Libertadores do ano que vem.

- Tem essa rivalidade, mas a gente sabe que a cobrança e a responsabilidade de ganhar títulos sempre vão existir em um clube grande. O Cruzeiro já conta com um grupo forte e está se planejando bem. Temos tudo para fazer uma boa Libertadores e conquistar o título - completou.