icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/11/2014
11:41

Empolgado com a confirmação da Copa do Mundo de 2022 nesta quinta-feira, o Qatar, país asiático, ofereceu-se para sediar a Copa Africana de Nações. A competição seria no Marrocos, mas o país solicitou o adiamento ou o cancelamento do torneio por lá, por causa do surto do vírus ebola, e a Confederação Africana de Futebol (CAF) resolveu manter as datas da Copa, mas de fato em outro lugar. As datas não foram alteradas.

O xeque Hamad Ben Khalifa Ben Ahmed Al-Thani, presidente da federação local, lembrou que não foi feita nenhuma consulta por parte da CAF, mas apresentou sua disponibilidade, e garantiu que o país árabe "está pronto a dar toda a ajuda que for solicitada para organizar a CAN-2015", através de um comunicado.

A nova sede será conhecida dentro de pouco tempo. De acordo com Issa Hayatou, presidente da CAF, o país será conhecido ainda esta semana. Angola tinha surgido como favorito, mas já saiu do páreo. Outros lugares como Gabão e Argélia estariam interessados na Copa Africana deste ano.