icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/11/2014
00:59

Acostumado a lidar com a reserva na última temporada e, no máximo, fazer o papel de amuleto do Galo, o jovem Luan tem provado cada vez mais seu protagonismo no Atlético-MG, principalmente nesta atual Copa do Brasil. Com mais um gol, marcado na vitória por 2 a 0 diante do rival, Luan conseguiu a façanha de marcar em todos os jogos do alvinegro em Belo Horizonte na Copa do Brasil. De quebra, ainda colocou o Galo bem mais próximo do título inédito.

- Não ganhamos nada ainda. Temos 90 minutos contra o Cruzeiro, que tem jogadores de qualidade. Tem de ter pezinho no chão. Vai ser um jogo difícil, onde tem que estar todo muito concentrado pra conseguir esse título inédito - comentou o atacante.

Substituído no segundo tempo de jogo no Independência, Luan deixou o campo de jogo cansado para a entrada de Marion. Antes mesmo da partida, o Galo ainda perdeu Maicosuel, por conta de dores musculares.

- Pegou todo mundo de surpresa essa lesão do Maicosuel, mas o Levir fez a melhor formação que deu. O Carlos fez uma bela partida, o Dátolo, o Jemerson, a zaga atrás, a gente tá muito feliz. Agora é descansar porque tem esses jogos do Brasileiro, e depois teremos os jogos da volta - acrescentou o jogador.