icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/08/2015
15:25

O estafe do atacante Gabigol, principal artilheiro do Santos após a chegada do técnico Dorival Júnior, já rejeitou em 2015 três propostas pelo jogador que completa 19 anos neste domingo. A dois dias do fechamento da janela internacional de transferências, porém, o Fenerbahce (Turquia) apresentou uma nova oferta ao empresário Wagner Ribeiro, e o documento de 20 milhões de euros (R$ 80 milhões) será encaminhado à diretoria do Santos, que tem pouco tempo para decidir o que faz. A informação da proposta foi divulgada pelo próprio agente.

"Vinte milhões de euros, a maior proposta da janela para Gabigol. Fenerbahce chegou firme. Santos resistirá?", questionou Wagner Ribeiro por meio de sua conta no Twitter.

Em contato com a reportagem do L!, uma pessoa envolvida na negociação reafirmou a existência da proposta do clube turco, que daria ao Santos um lucro em torno de R$ 32 milhões pelos 40% dos direitos detidos. O restante da porcentagem é dividido entre empresários e o fundo Doyen Sports, que realizou a compra de 20% no fim do ano passado. Todas as partes, exceto uma, deseja a transferência.

Quem não quer saber de negócio hoje é o próprio Gabigol. Feliz com seu desempenho no Santos e o respeito conquistado junto à torcida, o camisa 10 já havia rejeitado ofertas de clubes da China e da Rússia durante a janela, e jogar na Turquia também não é uma possibilidade sedutora.

Mesmo assim, Wagner Ribeiro pretende apresentar a oferta ao Santos o mais brevemente possível, já que segunda-feira é a data limite para uma possível transferência, sem contar que os valores ainda precisariam ser mostrados para o Barcelona (Espanha), que tem preferência de compra e pode cobrir a oferta caso deseje, segundo contrato de venda de Neymar, em 2013.

- Vou jantar com o pai do Gabriel e o próprio jogador nesta noite para apresentar a proposta salarial e o projeto do Fenerbahce por ele. Se gostarem, e eu acredito que a proposta seja muito boa, me sento com o Modesto amanhã (domingo), e temos até terça-feira para enviar toda a documentação. O Santos é o dono dos direitos federativos, o dono da caneta, mas 20 milhões de euros é uma proposta bem forte. Temos pouco tempo, mas sei que é possível - afirmou o empresário de Gabigol, descrevendo passo a passo suas ações no momento.

O estafe do atacante Gabigol, principal artilheiro do Santos após a chegada do técnico Dorival Júnior, já rejeitou em 2015 três propostas pelo jogador que completa 19 anos neste domingo. A dois dias do fechamento da janela internacional de transferências, porém, o Fenerbahce (Turquia) apresentou uma nova oferta ao empresário Wagner Ribeiro, e o documento de 20 milhões de euros (R$ 80 milhões) será encaminhado à diretoria do Santos, que tem pouco tempo para decidir o que faz. A informação da proposta foi divulgada pelo próprio agente.

"Vinte milhões de euros, a maior proposta da janela para Gabigol. Fenerbahce chegou firme. Santos resistirá?", questionou Wagner Ribeiro por meio de sua conta no Twitter.

Em contato com a reportagem do L!, uma pessoa envolvida na negociação reafirmou a existência da proposta do clube turco, que daria ao Santos um lucro em torno de R$ 32 milhões pelos 40% dos direitos detidos. O restante da porcentagem é dividido entre empresários e o fundo Doyen Sports, que realizou a compra de 20% no fim do ano passado. Todas as partes, exceto uma, deseja a transferência.

Quem não quer saber de negócio hoje é o próprio Gabigol. Feliz com seu desempenho no Santos e o respeito conquistado junto à torcida, o camisa 10 já havia rejeitado ofertas de clubes da China e da Rússia durante a janela, e jogar na Turquia também não é uma possibilidade sedutora.

Mesmo assim, Wagner Ribeiro pretende apresentar a oferta ao Santos o mais brevemente possível, já que segunda-feira é a data limite para uma possível transferência, sem contar que os valores ainda precisariam ser mostrados para o Barcelona (Espanha), que tem preferência de compra e pode cobrir a oferta caso deseje, segundo contrato de venda de Neymar, em 2013.

- Vou jantar com o pai do Gabriel e o próprio jogador nesta noite para apresentar a proposta salarial e o projeto do Fenerbahce por ele. Se gostarem, e eu acredito que a proposta seja muito boa, me sento com o Modesto amanhã (domingo), e temos até terça-feira para enviar toda a documentação. O Santos é o dono dos direitos federativos, o dono da caneta, mas 20 milhões de euros é uma proposta bem forte. Temos pouco tempo, mas sei que é possível - afirmou o empresário de Gabigol, descrevendo passo a passo suas ações no momento.