icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/04/2014
15:36

Wellington começou a temporada como titular, perdeu o posto com a contratação de Souza, mas voltou a ter chances quando o concorrente sofreu lesão no joelho no clássico contra o Corinthians no dia 9 de março. O camisa 5 chegou a projetar sequência maior no time principal, mas já no primeiro treino tático com a volta de Souza, foi barrado por Muricy Ramalho.

Revelado nas categorias de base do Tricolor, Wellington treinou somente com os reservas. Para mostrar serviço e tentar recuperar posicão - e prestígio - com a comissão técnica, o volante não acompanhou o restante do grupo ao final dos trabalhos no CT da Barra Funda e ficou sozinho no campo normalmente utilizado pelos goleiros.

O gramado é bem menor do que os campos oficiais do CT e, em uma das extremidades, há um muro com um 'gol' pintado. A área é numerada de 1 a 6, com três quadrados em cada lado da baliza. Wellington se posicionava e se concentrava para acertar os passes exatamente nos números. O fundamento é um dos trunfos de Souza e um dos motivos de irritação da torcida com Wellington.