icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/07/2013
08:07

Antes de fechar com o Santos, o lateral-direito Cicinho esteve na mira do São Paulo e de outros clubes do futebol brasileiro. Em sua apresentação pelo Peixe, o jogador explicou que conversou com Renê Júnior antes de decidir ir para o clube alvinegro.

- Tenho um companheiro aqui (Renê Júnior, ex-jogador da Ponte Preta), que já me falava muito bem do Santos, falava que poderia acertar de olhos fechados. Então optei por isso. A negociação com o São Paulo não deu certo. Mas fiquei feliz e vou fazer de tudo pelos meus objetivos aqui dentro do Santos - afirmou Cicinho.

O lateral-direito já pode estrear pelo Santos porque teve seu nome regularizado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Opção para o técnico Claudinei Oliveira, o jogador, que vinha atuando no meio de campo na Ponte Preta, não quer escolher posição.

- Agora sou empregado do clube, do Santos, e estarei pronto para onde optarem. Vou me dedicar ao máximo onde optarem, espero me dar bem e ajudar os meus companheiros onde quer que seja - garantiu Cicinho.

A estreia do lateral-direito pode acontecer neste domingo, no duelo entre Santos e Ponte Preta, na Vila Belmiro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

Antes de fechar com o Santos, o lateral-direito Cicinho esteve na mira do São Paulo e de outros clubes do futebol brasileiro. Em sua apresentação pelo Peixe, o jogador explicou que conversou com Renê Júnior antes de decidir ir para o clube alvinegro.

- Tenho um companheiro aqui (Renê Júnior, ex-jogador da Ponte Preta), que já me falava muito bem do Santos, falava que poderia acertar de olhos fechados. Então optei por isso. A negociação com o São Paulo não deu certo. Mas fiquei feliz e vou fazer de tudo pelos meus objetivos aqui dentro do Santos - afirmou Cicinho.

O lateral-direito já pode estrear pelo Santos porque teve seu nome regularizado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Opção para o técnico Claudinei Oliveira, o jogador, que vinha atuando no meio de campo na Ponte Preta, não quer escolher posição.

- Agora sou empregado do clube, do Santos, e estarei pronto para onde optarem. Vou me dedicar ao máximo onde optarem, espero me dar bem e ajudar os meus companheiros onde quer que seja - garantiu Cicinho.

A estreia do lateral-direito pode acontecer neste domingo, no duelo entre Santos e Ponte Preta, na Vila Belmiro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.