icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/04/2014
09:42

Juan Soler, ex-presidente do Valencia, foi preso nesta quarta-feira acusado de tentativa de sequestro do seu sucessor, Vicente Soriano Serra.

Segundo o jornal "Las Provincias", Soler contratou uma pessoa para realizar a ação. O sequestro seria uma represália ao fato de Soriano ter uma dívida com o antecessor pela compra de um pacote de ações, durante a frustrada chegada da sociedade Inversiones Dalport ao clube.

Nas últimas semanas, a polícia avisou a Soriano que sua segurança estava em risco. Porém ainda não se sabia que Juan Soler estava por trás da ameaça. Soriano passou a não sair de casa sem segurança.

Nesta terça-feira a Polícia Nacional espanhola revelou que a investigação estava encerrada e que havia provas suficientes para incriminar Soler, que foi presidente do Valencia entre 2004 e 2008. Soriano, por sua vez, ficou na presidência somente no ano de 2009.