icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/07/2013
09:12

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, não conseguiu segurar a euforia após o gol de Elias, no empate em 1 a 1 com o Botafogo, neste domingo, no retorno das duas equipes ao Maracanã. O mandatário da Gávea entrou no clima da torcida e cantou junto a música "Ninguém cala esse chororô", uma paródia rubro-negra da música que ficou famosa entre os alvinegros.

O gol de empate saiu aos 49 minutos da partida e a torcida rubro-negra comemorou como se fosse uma vitória. Com o resultado, o time de Mano Menezes deixou a zona de rebaixamento, empurrando o rival tricolor para a zona da degola, além de evitar que o Botafogo voltasse à ponta da tabela. O Flamengo soma 10 pontos e ocupa a 15ª posição no Brasileiro.

Depois da volta ao Maracanã, o Flamengo só retorna ao estádio no próximo dia 11, no Fla-Flu, com mando do Tricolor. Na próxima quarta-feira, o Rubro-Negro encara o Bahia, na Arena Fonte Nova.

E MAIS:
> Elias é só euforia após marcar gol de empate para o Flamengo
> Mano explica por que as mudanças surtiram efeito contra o Botafogo
> Vaiado durante o clássico, Carlos Eduardo recebe apoio de Mano

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, não conseguiu segurar a euforia após o gol de Elias, no empate em 1 a 1 com o Botafogo, neste domingo, no retorno das duas equipes ao Maracanã. O mandatário da Gávea entrou no clima da torcida e cantou junto a música "Ninguém cala esse chororô", uma paródia rubro-negra da música que ficou famosa entre os alvinegros.

O gol de empate saiu aos 49 minutos da partida e a torcida rubro-negra comemorou como se fosse uma vitória. Com o resultado, o time de Mano Menezes deixou a zona de rebaixamento, empurrando o rival tricolor para a zona da degola, além de evitar que o Botafogo voltasse à ponta da tabela. O Flamengo soma 10 pontos e ocupa a 15ª posição no Brasileiro.

Depois da volta ao Maracanã, o Flamengo só retorna ao estádio no próximo dia 11, no Fla-Flu, com mando do Tricolor. Na próxima quarta-feira, o Rubro-Negro encara o Bahia, na Arena Fonte Nova.

E MAIS:
> Elias é só euforia após marcar gol de empate para o Flamengo
> Mano explica por que as mudanças surtiram efeito contra o Botafogo
> Vaiado durante o clássico, Carlos Eduardo recebe apoio de Mano