icons.title signature.placeholder Igor Siqueira
07/03/2014
13:14

O presidente da Federação Gaúcha, Francisco Novelletto, está de férias, mas acompanha o desenrolar dos fatos relacionados ao racismo promovido por torcedores contra o árbitro Márcio Chagas da Silva, após partida entre Esportivo e Veranópolis, em Bento Gonçalves. Em contato com o LANCE!Net, o dirigente criticou a postura da torcida e ressaltou que o Tribunal de Justiça Desportiva do estado já se mexeu para tomar atitudes.

- Lamentamos e repudiamos a situação. A Federação está tomando as medidas cabíveis, que é passar a súmula para o Tribunal. Não temos autonomia para punir, existe o TJD para isso. E também não posso parar o campeonato por isso. A autoridade é a Justiça Desportiva - afirmou, em seguida prevendo punição ao Esportivo, mandante do jogo:

- Um caso de racismo é ruim para todos. Não é hora mais disso. Para mim, o esportivo vai acabar sofrendo punição.

O Esportivo deve ser denunciado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê pena de multa e perda de três pontos. A Federação Gaúcha ainda não publicou a súmula da partida no site.