icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2014
10:37

A boa fase de Neymar veio bem a calhar para o presidente Josep María Bartomeu. De acordo com o jornal espanhol "AS", o dirigente quer esperar até 2016 para renovar o contrato do jogador brasileiro, e utilizar o acordo como plataforma para a sua campanha eleitoral para o próximo pleito do Barça, que pode até ser antecipado ainda. O atual compromisso do camisa 11 é até 2019.

O ex-presidente Joan Laporta, um dos líderes da oposição, já lançou sua candidatura para a próxima a eleição, e tem liderado todas as pesquisas. O antigo dirigente, que era o comandante quando começou a era vitoriosa de Pep Guardiola e bancou o técnico, mesmo sem experiência, na altura, exige que a eleição seja antecipada, já que Bartomeu entrou no lugar de Sandro Rosell, que renunciou ao cargo.

Para tentar rivalizar com Laporta, a renovação de Neymar acabaria sendo como uma carga na manga para Bartomeu ganhar votos decisivos, e prometer a continuidade da parceria com Messi, que nesta temporada tem funcionado bem. O brasileiro é o artilheiro do time em 2014/15, com 12 gols em 14 jogos.