icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/02/2015
15:42

A consultoria Prime Time Sport divulgou nesta quinta-feira seu famoso estudo sobre o mercado de transferências do futebol europeu. Baseado, desta vez, na janela de inverno do Velho Continente, que durou todo o mês de janeiro, a publicação apresenta informações importantes sobre as principais ligas. O maior investimento no inverno segue com a Inglaterra. Ao todo, os clubes da Premier League gastaram 150 milhões de euros (R$ 471,6 milhões), concentrando 52% do total de gastos das cinco principais ligas.

Na sequência aparece a Ligue 1, da França. Os clubes franceses gastaram 53 milhões de euros (R$ 166 milhões) em reforços, seguidos pelos italianos  (desembolsaram 42 milhões de euros - R$ 132 milhões). A Bundesliga alemã vem na sequência, com 33 milhões de euros (R$ 103 milhões) investidos. E a Liga Espanhola dos milionários e gigantes Real Madrid e Barcelona gastou "apenas" 12 milhões de euros (R$ 37,7 milhões) no mercado de inverno, quantia  similar ao que foi investido no mesmo período da última temporada.

Como resultado desses investimentos, a única liga que apresentou um aumento significativo de investimentos no inverno foi a Ligue 1 francesa, apresentando crescimento de 52%. Espanha (-0,2%), Premier League (+0,3%), e Bundesliga (+0,6%) permaneceram com investimentos semelhantes ao inverno de 2013/14. Já o Calcio apresentou uma redução forte de 54%.

Considerando as somas dos mercados de verão e inverno europeu, a Premier League segue soberana nos investimentos com 881 milhões de euros - R$ 2,7 bilhões - (aumento de 13% em relação a 2013/14). Na segunda colocação aparece o Calcio: gastou 444 milhões de euros - R$ 1,39 bilhão - (crescimento de 4%). Na sequência vem a Ligue 1, com 428 milhões de euros - R$ 1,34 bilhão - (+42%), Liga Espanhola, com 400 milhões de euros - R$ 1,2 bilhão - (+65%), e Bundesliga com 291 milhões de euros - R$ 914 milhões - (+7%).

Num comparativo das cinco principais ligas da Europa da atual temporada com 2013/14, houve um aumento de 32,3% em valores de contratações, alcançando um recorde histórico de 2,4 bilhões de euros (R$ 7,5 bilhões) investidos.

No top-10 das contratações de inverno aparecem dois brasileiros, segundo dados do site Transfermarkt. Gabriel Paulista trocou o Villarreal pelo Arsenal pelo valor de R$ 55,5 milhões, valor semelhante ao que o chinês Guangzhou Evergrande pagou para tirar Ricardo Goulart do Cruzeiro.

1 - Cuadrado - Chelsea (R$ 123,7 milhões)
2 - Wilfried Bony - M. City (R$ 119,6 milhões)
3 - Schürlle - Wolfsburg (R$ 118,5 milhões)
4 - Enzo Pérez - Valencia (R$ 92,6 milhões)
5 - Bernardo Silva - Monaco (R$ 58,35)
6 - Ricardo Goulart - Guangzhou Evergrande (R$ 55,5 milhões)
7 - Gabriel Paulista - Arsenal (R$ 55,5 milhões)
8 - Doumbia - Roma (R$ 53,3 milhões)
9 - Lucas Silva - Real Madrid (R$ 48,16 milhões)
10- Bertrand Southampton (R$ 47,32 milhões)