icons.title signature.placeholder Marcelo Braga
30/11/2013
12:01

O futuro do Pacaembu não deverá ser decidido em 2013. Preparando-se para sair de cena na próxima temporada, quando o Corinthians passará a mandar os seus jogos na Arena Corinthians e o Palmeiras na Allianz Arena, o estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho vem sendo tema de debates pela alta cúpúla do poder executivo na cidade de São Paulo.

Só neste mês, várias reuniões foram feitas entre a São Paulo Negócios, responsável por estruturar parcerias público-privadas, e diversas secretarias, como a do Esporte, para que houvesse um entendimento em relação à licitação para ceder a concessão de serviços do estádio. Entraves técnicos e jurídicos, porém, impedem os avanços para o seu lançamento.

O acidente na obra da Arena Corinthians foi outro motivo que tirou o foco da discussão, já que as autoridades se voltaram para o caso de Itaquera. Assim, a tendência é que qualquer decisão seja anunciada apenas em 2014.

O Santos, assim como a Portuguesa, aguarda as definições com bastante interesse, a fim de fazer do local uma Arena Multiuso. Para isso, porém, seria preciso que uma contrutora parceira se aliasse à ideia para executar a modernização, já que o clube não pretende fazer investimentos próprios.